Prefeitura quer aumentar 20% dos pontos de iluminação pública com PPP

Mais uma etapa do projeto que avalia a formação de uma Parceria Pública Privada (PPP) para ampliar, modernizar e melhorar a iluminação pública de Corumbá foi cumprida nessa terça-feira, 15 de dezembro.

O prefeito Marcelo Iunes e o secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Ricardo Ametlla, participaram de uma videoconferência com os demais setores envolvidos na ação. O objetivo foi avaliar os diagnósticos realizados até aqui e traçar novas metas de trabalho.

“Nosso objetivo é levar iluminação pública para os locais onde ela ainda não chegou e melhorá-la nas regiões em que isso for possível. A estimativa é de aumentar pelo menos 20% a quantidade de pontos em toda a cidade até 2022”, explicou o prefeito.

Também participaram da reunião virtual Bartira Tardelli Nunes, representando o Governo Federal, e Ricardo Oliveira Souza, Alexandre Silveira Barbosa, Willian Nascimento Tavares e Pedro Felipe Burille, todos da Caixa econômica Federal.

A partir de agora a Prefeitura e seus parceiros vão realizar a modelagem econômica, jurídica e preparar uma consulta pública, prevista inicialmente para junho. O plano é abrir as propostas da PPP em setembro de 2021.

Todo o projeto faz parte do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), ação do Governo Federal e coordenada pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), por meio da Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos (SPPI).

Corumbá é uma das cinco cidades selecionadas entre todos os municípios do Brasil para integrar o Governo Federal que vai viabilizar a implantação de um sistema de excelência na iluminação pública que possa atender a todos os quadrantes da cidade.

A Caixa Econômica é a responsável por contratar e acompanhar os serviços de uma consultoria, que no caso do município pantaneiro é composta por um consórcio de quatro empresas.