Servidores participam de treinamento para barreira sanitária com Comissão de Controle Sanitário

A Comissão de Controle Sanitário de Mato Grosso do Sul (CCS-MS) promove nesta quarta-feira, 12 de agosto, treinamento com servidores da Prefeitura de Corumbá para atuação na barreira sanitária de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

A capacitação foi definida durante reunião do prefeito Marcelo Iunes com a própria Comissão, no último dia 06. Naquela oportunidade, Iunes destacou a importância de reforçar o serviço na barreira sanitária implantada na cidade – no posto fiscal do Lampião Aceso.

“A pedido do prefeito viemos para dar todo suporte e repassar a expertise do estado de Mato Grosso do Sul ao município de Corumbá nas atuações da barreira sanitária. Corumbá está formatando essa prestação de serviço à população. Isso favorece uma abordagem informativa à população, levando informações sobre o que é o novo coronavírus, como evitar o contágio, aferição de temperatura de toda a população e consultando essa população sobre seus sinais sintomas, pra verificar quem eventualmente possa estar com síndromes gripais ou não”, explicou o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros Militar, Leonardo Congro, que é assessor da CCS responsável pelo treinamento.

O objetivo desse trabalho, explicou o responsável pela capacitação, é permitir que a população  “tenha, ao ser abordada, saber como está a sua própria saúde. É um serviço que contribui na redução dos indicadores de pandemia no município”, completou o tenente-coronel.

De acordo com o boletim epidemiológico, divulgado no dia 11 de agosto pela Secretaria Municipal de Saúde, 10.778 pessoas já realizaram o teste do Covid-19, destes 9.798 foram descartados, e 1.678 foram positivos. Dos casos confirmados 92,13% já estão recuperados, o que representa 1.546 pessoas; 2,32% estão em isolamento; 1,66% estão internados e infelizmente 65 foram a óbito, o que representa 3,87%.

A vinda da CCS a Corumbá, para a reunião da semana passada, foi solicitação da Secretaria Municipal de Saúde à Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (SEJUSP).