Prêmio Helô Urt valoriza ações que fortalecem atuação feminina na sociedade

A Prefeitura de Corumbá entregou na tarde da sexta-feira, 15 de maio, o Prêmio Mulher Helô Urt. A iniciativa presta homenagem às pessoas que contribuíram para o reconhecimento e valorização das mulheres se destacando nas áreas de Cultura, Meio Ambiente, Cidadania, Personalidade e Sensibilidade de Gênero no trabalho de reforçar o papel feminino na sociedade.

Foram premiados Marcelle de Saboya Ravanelli (Cultura); Virginia Ly Lito Pinto (Meio Ambiente); Rubenita Sales Marques (Cidadania); Evanilza Mateus de Oliveira (Personalidade) e Padre Marco Antônio Alves Ribeiro (Sensibilidade de Gênero). A premiação é iniciativa da Prefeitura Municipal por meio da Secretaria Especial de Cidadania e Políticas Públicas/Coordenadoria de Políticas Públicas para a Mulher.

Discursando em nome das homenageadas, a psicóloga Evanilza Oliveira disse que o reconhecimento a deixou bastante “emocionada”. Segundo ela, a premiação veio num momento – vivido pelo mundo – que traz a necessidade de reflexão para todos. “É uma emoção muito grande receber esse prêmio, temos muito ainda por fazer. Meu desejo é sempre estar servindo à população e, nesses tempos de pandemia, temos de refletir e podemos fazer muito ainda”, disse.

Padre Marco Antônio Alves Ribeiro, único homem a receber o Prêmio Helô Urt este ano, agradeceu a indicação e afirmou que o trabalho de cada um dos homenageados é merecedor de reconhecimento. “Agradeço a bondade daqueles que me indicaram e este prêmio é nosso, somos parceiros e estamos aqui para servir. Esta administração valoriza aqueles que fazem acontecer”, declarou.

O presidente da Câmara Municipal, vereador Roberto Façanha, exaltou a dedicação dos premiados em trabalhar em prol da sociedade. “Todos vocês têm trabalho digno e merecem muito esse prêmio, esse reconhecimento. São pessoas diferenciadas em Corumbá”.

Secretária Especial de Cidadania e Políticas Públicas, a primeira-dama Amanda Balancieri Iunes, disse se sentir honrada por estar à frente da Secretaria de Cidadania e promover a entrega do Prêmio Helô Urt. “A Helô foi um símbolo e é, até hoje, referência para nós”. Amanda ressaltou que a premiação anualmente encerra as atividades do Mês da Mulher – março – e este ano aconteceu somente agora em razão das medidas para evitar aglomeração adotadas no combate à pandemia do Covid-19. “Não poderíamos deixar de lembrar a Helô”, completou a primeira-dama.

O prefeito Marcelo Iunes destacou que a premiação é importante porque exalta o trabalho e as ações realizadas em defesa dos direitos da mulher. O chefe do Executivo Municipal ressaltou a importância de Heloísa Urt e da premiação que a homenageia. “A Helô era uma pessoa proativa, que lutava pelas bandeiras que beneficiariam Corumbá e sua sociedade. A Helô não foi só da Cultura, ela tinha forte atuação em todas as áreas da sociedade, foi uma mulher que sempre lutou pelo bem da sociedade. Corumbá deve muito à Helô Urt. É uma justa homenagem”, finalizou.

Promovido pela Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos e sua Coordenadoria de Políticas Públicas para a Mulher, o evento também contou com presenças de Luiz Eduardo da Costa Urt – filho de Heloísa Urt –; e do secretário Municipal de Governo de Ladário, Alexandre Ohara, que representou o prefeito Iranil Soares (de Ladário).

Helô Urt

Heloísa Urt faleceu aos 61 anos de idade, no dia 23 de novembro de 2011. Helô Urt, como era carinhosamente chamada, tinha graduação em Letras pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Tinha forte atuação política e era um ícone da cultura corumbaense. O Prêmio Mulher Helô Urt foi criado pela lei municipal 2.327/2013 e realizado pelo sexto ano consecutivo.