Exposição de telas homenageia e retrata mulheres pantaneiras

Parte das celebrações do Mês da Mulher em Corumbá, a exposição de telas do artista plástico Jamil Canavarros foi aberta na noite dessa quinta-feira, 12 de março, no Hotel Nacional. Dez quadros retratam um pouco da rotina , dos desafios e da história da mulher pantaneira.

“Esse é um sonho antigo que eu tinha e que agora consegui concretizar, graças a ajuda da Prefeitura. Levei essa ideia ao Joilson, diretor-presidente da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico, e ele abraçou e fez tudo para que pudesse ser realizado”, afirmou artista.

“Procuramos contemplar várias áreas, tudo com muito enfoque na história de Corumbá”, completou Jamil, que levou 10 telas ao local. Todas estão à venda. Estão expostos os seguintes quadros:

De sol a sol; Irmã Doce; Pátria Amada; Quebranto; O Parto; As Três Marias; Corte, Costura e Sofrimento; Maria Maria; Mãe Preta e Lavando as Dores. Os valores variam de R$ 500 a 1 mil reais e exposição fica no saguão do hotel até o dia 5 de abril.

“Essa é uma forma de homenagear as mulheres e de mostrar nossos artistas, nossos talentos também aos turistas que visitam nossa cidade”, afirmou o Joilson Cruz, que representou o prefeito Marcelo Iunes na abertura do evento.

“Nossos artistas merecem todo nosso respeito, nosso carinho e, em nome do prefeito Marcelo Iunes, gostaria de agradecer a presença de todos que participaram desta noite, onde temos muitos artistas de variadas áreas de atuação”, completou o diretor-presidente da Fundação da Cultura.