Unidos da Major Gama abre desfiles cantando a Bolívia e suas belezas

Primeira escola de samba a desfilar na noite deste domingo, 23 de fevereiro, o Grêmio Recreativo e Escola de Samba Unidos da Major Gama trouxe para a Avenida General Rondon uma homenagem à fronteiriça Bolívia com o samba  “La Major Gama celebra el aguerrido Pueblo Hermano boliviano”.

Comissão de Frente. Com 12 componentes, vestidos com o luxuoso traje usado sempre nos carnavais da Bolívia “Diablada”. Os trajes representam os demônios e seus reis num ritual em homenagem aos seus deuses. Esta dança, a Diablada ou Danza de Diablos é tradicional de Oruro. Caracteriza-se pela máscara de demônio usada pelos dançarinos.

Carro Abre-Alas Caldeirão Cultural. Representou toda a cultura boliviana, principalmente a Diablada, usando dragões em fantasias e desfiles de Oruro. Compõe este carro alegórico uma escultura com movimento e efeitos especiais; além de 4 destaques vestidos de acordo com o carnaval da Bolívia e uma fantasia de luxo. 

Ala Mar De Salar De Uyuni.O maior deserto de sal do mundo é uma das grandes maravilhas da natureza da Bolívia, paisagem incrível onde se deve colocar óculos para poder observar melhor esse mar branco. 

Primeiro casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira: União dos Povos. Representaram a miscigenação entre os povos brasileiro e boliviano na cultural, gastronomia, música e dança. Se baseia na cooperação, solidariedade efetiva, democrática dos países, não existe barreiras de língua, homens; o mundo é um só. 

Ala Tarija. Os 35 componentes vestidos com as cores branca e azul confeccionadas na cabeça com plumas azuis e detalhes rosa. Veem representando as belezas naturais de Tarija. 

Ala Las Brujas Del Mercado De La Paz. Cmponentes representam no sentido carnavalesco esta cidade de Laz Paz e o seu comércio com produtos esotéricos, ingredientes para feitiço como morcegos e produtos para proteção. Ala Las Caporales mostrou a dança tradicional da cidade de La Paz.

Carro Gastronomia da Bolívia. Alegoria representou a principal bebida a Paceña e a saltenha, que são conhecidas até aqui no Mato Grosso do Sul. Neste carro uma escultura de um “camba” servindo uma Paceña e uma saltenha; 2 componentes vestidos em trajes típicos da Bolívia e finaliza com uma luxuosa fantasia de luxo.

Ala Arquitetura Andina. Com integrantes usando fantasia nas cores marrom e ouro. Ala Povo de Cochabamba  fez homenagem a essa cidade localizada no centro da Bolívia. Ala Tinku, coreografada, representou um ritual e uma dança folclórica ao norte do departamento de Potosí. A origem desta dança tradicional vem do folclore Inca.

Passistas Dançarinas da Morenada.Estilo de dança e música típica dos Andes Bolivianos caracterizado por uma mistura de elementos africanos e indígenas.

Bateria (Morenada). Os ritmistas encarnaram músicos desta dança e vieram nas cores bandeira da Bolívia: verde, vermelho e amarelo. Blazer verde claro com detalhes na cor da bandeira e calça comprida.

Carro Religiosidade ‘As Virgens da Bolívia’. Alegoria que representa a predominante religião católica na Bolívia, com mais de 70% da população e a Virgem de Cotoca é a santa padroeira do país vizinho. Neste carro alegórico vem representando a Virgem de Cotoca , uma escultura da imagem da padroeira e 4 mulheres vestidas ricamente na cor predominante em azul e uma fantasia de luxo.

Ala das Baianas com 18 senhoras compondo a rica fantasia inspirada na religião católica e nas virgens santas da Bolívia: Virgem De Urkupina e Virgem De Cotoca. Na cabeça uma coroa ouro sobre um véu branco, costeiro simbolizando a santidade destas virgens e nas mãos uma alegoria representando o menino Jesus.

Ala Integração Entre Brasil e Bolívia trouxe nas mãos bandeiras homenageando a união entre Brasil e Bolívia. Ala Carnaval homenageou a maior festa do Centro-Oeste brasileiro realizada em Corumbá, onde até nossos hermanos do país vizinho assistem e desfilam nas escolas de samba de Corumbá.

Carro Alegórico Riquezas Naturais da Bolívia representou toda a riqueza natural da Bolívia que é o Pantanal boliviano, a fauna e a flora, as cordilheiras, as lhamas e o condor.