Secretarias estudam medidas para reduzir a infestação do Aedes Aegypti

No dia 10 maio, diversos segmentos da Administração Municipal se reuniram na “Sala de Situação” com objetivo de analisar a situação do Município e de discutir medidas de combate ao vetor Aedes Aegypti.


Até o presente momento, em Corumbá, foram realizadas 750 notificações, com um óbito confirmado em abril. Segundo o último Boletim Epidemiológico, divulgado pelo Governo do Estado, em 08 de maio, Corumbá está em 51º lugar de 79 Municípios em casos de notificação.


Desde o início do ano, a administração municipal tem aumentado as ações de combate, com a limpeza de vias públicas, campanhas nas escolas, além da realização de mais de 58 mil visitas domiciliares, e utilização de duas bombas motorizadas, popularmente conhecido como Fumacê, que foram interrompidas recentemente devido a suspensão do fornecimento do inseticida.


A Gerente da Vigilância em Saúde, Viviane Ametlla, conta como será as ações, com suspensão do fumacê vamos trabalhar com o bloqueio mecânico e físico, vamos utilizar o que ainda temos com a bomba costal para fazer aplicação nos locais em que há notificações”.


O Secretário de Saúde, Dr. Rogério Leite, explica que esta não é uma decisão do município “o Ministério da Saúde suspendeu o fornecimento do inseticida em todo o Brasil, diversos municípios também foram afetados. Vamos intensificar as autoações, e precisamos mais do que nunca do apoio da população na conservação da limpeza e higiene do seu quintal e do seu bairro, não deixando entulho ou reservatório que acumule água, estes são os principais locais onde encontramos os vetores”.


A Sala de situação é uma importante ferramenta que disponibiliza informações para subsidiar a tomada de decisão em relação a questões ligadas à saúde pública, neste caso específico o combate ao vetor Aedes Aegypti.


A reunião aconteceu na casa de conselhos, participaram representantes da Saúde, Infraestrutura, Meio Ambiente, Comitê Interinstitucional de Combate à Dengue e Sanesul.


A Secretaria de Saúde de Corumbá disponibiliza telefones para moradores denunciarem locais com possíveis foco. O anonimato é garantido.

Ligue 08006472255 / 08006472109 / 3233-2783.