Exames laboratoriais vêm sendo feitos normalmente pela prefeitura

Exames de sangue, de urina, fezes, hemogramas e outros estão sendo feitos normalmente pelo Laboratório Municipal, que fica na rua Colombo, entre as ruas XV de Novembro e 7 de Setembro. Apenas os exames que precisam ser feitos por laboratórios credenciados, ainda não estão tendo coleta neste ano de 2019. 

 

“Nós estamos em fase de credenciamento dos laboratórios”, explicou Mariluce Leão, gerente de Regulação em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo ela, este é um procedimento padrão que precisa ser feito todos os anos. “Os laboratórios precisam comprovar que estão dentro das normas para atendimento ao Sistema Único de Saúde”.

 

Mariluce explicou ainda que essa fase de credenciamento deve ser concluída depois que todos os trâmites legais forem feitos. “Estamos seguindo o que diz lei e, por isso há morosidade no processo. É necessário, e isso é determinação do Ministério da Saúde, de normativas e portarias. É preciso que se espere o sistema financeiro abrir no ano em curso para que sejam feitos os empenhos de pagamento”, explicou a gerente.

 

Exames de imagens, raios X e tomografia estão sendo feitos normalmente. O atraso é apenas nos exames que necessitam de processos mais avançados e, portanto, de laboratórios especializados e que não são pactuados na rede pública. São exames de alto custo que por isso precisam passar por processo licitatório.

 

Quem precisar de exames, tem que procurar a Central de Regulação, que fica na rua Tiradentes, entre Cuiabá e América, na chamada “casa verde”. É lá que é feito todo o processo de encaminhamento, e também é o local onde se poderá obter todas as informações a respeito dos exames.

 

A maior parte dos laboratórios de Corumbá está apta a receber o credenciamento do SUS através de processos administrados pela prefeitura. Não há nenhum laboratório que pertença à administração atual ou a qualquer funcionário ou servidor da municipalidade, até porque, se o proprietário ou administrador do laboratório tiver vínculo empregatício com a prefeitura, não poderá participar da concorrência. .