MEC autoriza funcionamento de curso de Medicina, de faculdade particular, em Corumbá

A Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (SERES), do Ministério da Educação (MEC), divulgou portaria (924/2018) com a homologação do resultado final que habilita o Centro de Ensino Superior de Maringá LTDA (Cesumar/Unicesumar) a instalar o curso de Medicina no município de Corumbá.

 

A autorização para funcionamento de curso de Medicina, por instituição privada, foi publicada na edição da sexta-feira, 28 de dezembro de 2018, do Diário Oficial da União (DOU).

 

Reconhecida nacionalmente por sua qualidade educacional, o Cesumar/Unicesumar está entre as melhores instituições do Brasil, destacando-se como o melhor Centro Universitário do sul do país. Na última avaliação do MEC, a Unicesumar manteve IGC 4 (Índice Geral de Cursos – que vai de 1 a 5); resultado conquistado por sete anos consecutivos.

 

De acordo com a portaria, a mantenedora selecionada tem o período de 21 de janeiro a 08 de fevereiro para entrega da Garantia de Execução do Ministério da Educação, na Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior. A assinatura do Termo de Compromisso, junto ao MEC, fica condicionada à entrega dessa Garantia de Execução.

 

Desde novembro de 2017, quando assumiu a Administração Municipal, o prefeito Marcelo Iunes vem trabalhando pela liberação do funcionamento do curso de Medicina, oferecido por instituição de educação superior privada. Um dos primeiros compromissos de Iunes no comando da Prefeitura de Corumbá foi articular uma reunião em Brasília, com a bancada federal sul-mato-grossense, para tratar da questão.

 

O chefe do Executivo afirmou que a implantação do curso em Corumbá transformará o município num “grande polo educacional” e colocará a cidade em “um novo patamar na saúde pública do país”, além de proporcionar a “geração de renda e recursos para a economia corumbaense”.

 

Por sua vez, o secretário Municipal de Saúde, Rogério dos Santos Leite, afirmou que “com o curso de Medicina, o município contará com uma rede de saúde mais completa, ganhando em serviço, recursos humanos e formatação da rede, permitindo a Corumbá atingir um patamar mais alto na resolutividade e complexidade em saúde”.