70 alunos do Almirante Tamandaré participam de formatura do PROERD

Setenta alunos da Escola Municipal Almirante Tamandaré concluíram o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD). A formatura aconteceu na tarde desta segunda-feira, 26 de novembro, e reuniu alunos, professores e pais da instituição de educacional.

 

“Precisamos agradecer a Polícia Militar, em nome da tenente Joice, aos instrutores e professores, em nome da diretora Gerusa Soares de Souza Papa, e aos alunos que participaram desse importante projeto que ensina resistência às drogas e à violência”, disse o secretário municipal de Educação, Genilson Canavarro de Abreu, que representou o prefeito Marcelo Iunes no evento.

 

“Agora vocês precisam levar esses ensinamentos aos amigos, para dentro de casa. Cada um de vocês é multiplicador dessa mensagem de resistência”, completou Genilson. O secretário especial de Segurança Pública e Defesa Social, tenente-coronel César Freitas Duarte, também destacou a importância doa alunos levarem adiante os ensinamentos do PROERD e anunciou que pelo menos mil vagas do curso serão abertos em 2019.

 

Representando o 6º Batalhão de Polícia Militar, a tenente Joice dos Santos Gonçalves, reforçou a participação efetiva da escola e da família durante todo o curso. “Não guardem esses ensinamentos só para vocês, compartilhem com os outros alunos, com a família, com so amigos e para todos os momentos de suas vidas”, pontuou.

 

As formaturas do PROERD continuam ao longo desta e da próxima semana. Na quarta-feira, dia 28, o evento acontece na Escola Municipal Ângela Maria Pérez; no dia 5 de dezembro, é a vez dos alunos do Cássio Leite de Barros; e na sexta-feira, dia 7, no Clio Proença. Todas acontecem às 16 horas.

 

PROERD

 

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), é um programa primário de prevenção ao uso indevido de drogas, aplicado por Policiais Militares, que ministram aulas para crianças do 5° ano do Ensino Fundamental, visando, enquanto atividade preventiva, ensiná-las a resistir ao aliciamento de usuários e traficantes. Tem como modelo um programa criado pela Polícia de Los Angeles (E.U.A), com estudos feitos por pedagogos, psicólogos e policias, denominado D.A.R.E (Drug Abuse Resistance Education) onde o objetivo é propiciar o envolvimento da escola, da família e da polícia na questão da iniciação ao uso indevido de drogas e da violência pelas crianças, tendo sido adaptado para a nossa realidade e hoje administrado pelo Conselho de Comandantes Gerais das Polícias Militares do Brasil (CNCG) através da Câmara Técnica do PROERD.

 

Os conhecimentos sobre drogas e as formas de evitá-las, são transmitidos aos alunos através de 10 lições com a utilização de um Livro do Estudante, sendo aplicada uma aula por semana com a utilização de recursos didáticos como vídeos, dramatizações, jograis, canções, brincadeiras e outros, ao final do quê, são realizadas formaturas com a participação da família e da comunidade, com a entrega de um diploma, habilitando aquele aluno a ser um vetor de difusão dos conhecimentos adquiridos. Além de manter nossas crianças longe das drogas, com o PROERD, a Policia Militar tem a possibilidade de fazer a aproximação do Policial Militar com a comunidade, já que ele trabalha com os alunos em sala de aula, fardado, na presença também do professor, fazendo com que haja uma melhor interação entre a PM e a sociedade.

 

O Programa é ministrado exclusivamente por Policiais Militares que são rigorosamente selecionados e possuem curso de formação de instrutor, estando preparados para trabalhar com crianças de 9 a 12 anos. O PROERD foi implantado em nosso Estado em Junho de 1997, com 05 (cinco) Instrutores que foram formados pela PM/SP, sendo que posteriormente, outros cursos foram realizados, onde também recebemos apoio da PM/DF e da Câmara Técnica da PM/SC, sendo, então, implantado o Programa em diversos municípios do Estado.