Procon orienta consumidores sobre como agir durante greve dos Correios

Por conta da greve dos servidores do Centro de Distribuição Domiciliar dos Correios de Corumbá, a Agência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON Corumbá) orientou os consumidores locais sobre a forma como deve proceder para que não sejam prejudicados pela mobilização daqueles trabalhadores. O órgão está à disposição da população para esclarecer quaisquer dúvidas.

 

Diretor-executivo do PROCON Corumbá, Alexandre Vasconcellos, elencou as principais situações que podem afetar os consumidores e aponto como deve ser o procedimento individual por parte dos compradores para garantia de seus direitos consumeristas.

 

“Quem comprou algum produto e a empresa que vendeu usa o serviço dos Correios para entrega, deve entrar em contato com a empresa vendedora para que ela cumpra o prazo de entrega desse produto. A empresa deve determinar outra maneira de entrega. Quem tem o contrato com os Correios é a empresa, e é ela que deve fazer chegar o produto na casa do consumidor. Se a empresa não cumprir com o prazo contratado, o consumidor pode pedir imediatamente o ressarcimento do valor pago ou abatimento proporcional do preço”, explicou o diretor-executivo do da Agência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor.

 

Vasconcellos orientou sobre as faturas (contas) que chegam diretamente à casa do consumidor por meio do serviço dos Correios. “Se, normalmente recebe a fatura pelo correio, o consumidor deve entrar em contato com a empresa antes do vencimento da conta para que seja fornecida outra maneira de pagamento dessa fatura. A empresa deve garantir outra forma de pagamento para ele”, informou.

 

Outra orientação do PROCON Corumbá é para os consumidores que compraram presente ou algum produto para ser usado em data específica, mas por conta da greve não recebeu, “se tiver algum dano material ou moral, ele tem que ingressar na justiça, pedindo essa indenização”, disse o titular da Agência de Proteção. “O importante é que o consumidor entre em contato com a empresa para que cumpra o prazo contratado para entrega. A empresa tem de achar um meio de fazer o produto chegar aquele consumidor. Essa é a regra básica”, finalizou Alexandre Vasconcellos.

 

A sede do PROCON Corumbá fica na rua 7 de Setembro, número 222, entre as ruas 13 de Junho e Delamare, no Centro de Corumbá. O atendimento vai das 07h30 às 13h30. O telefone é o 3907-5431.