Prefeito Marcelo Iunes toma posse como presidente da Junta Militar de Corumbá

O prefeito Marcelo Iunes assumiu nesta quarta-feira, 15 de agosto, a presidência da Junta de Serviço Militar de Corumbá. O ato foi realizado no gabinete do prefeito e comandado pelo Delegado e Chefe do Posto de Recrutamento e Mobilização, tenente Francisco Telmo Ferreira do Nascimento, e acompanhado pelo chefe da Casa Civil, Luiz Antônio da Silva, e do chefe de gabinete, Fábio Luiz Pereira da Silva.

 

Durante a solenidade, o prefeito se comprometeu a “cumprir e fazer cumprir as diretrizes relacionadas ao Serviço Militar” e trabalhar para “exercer a cidadania e o engrandecimento da Pátria”. Iunes ainda destacou a importância social e política das Forças Armadas na manutenção da soberania nesta região de fronteira.

 

“Nesse ato o prefeito toma posse como Presidente da Junta e demonstra seu compromisso com o funcionamento do órgão na região”, explicou o tenente Nascimento. O tenente Jorge Banaczec, oficial mobilizador, e a secretária da Junta de Serviço Militar, Margareth Barôa Domingos, também prestigiaram a solenidade.

 

Após o evento, foi realizada a visita de orientação técnica para instalações da Junta de Serviço Militar. Esse processo tem como objetivos o nivelamento dos conhecimentos dos secretários e integrantes do Sistema de Serviço Militar, troca de experiências, informações e boas práticas, apresentar as principais atualizações do Sistema Eletrônico de Recrutamento Militar (SERMILWEB) e Módulo de Assinatura Digital.

 

Responsável pelo alistamento de jovens no Serviço Militar em Corumbá, a Junta está localizada na Casa da Cidadania, localizada na Rua XV de Novembro, 400, entre as ruas 13 de Junho e Dom Aquino. O atendimento no local funciona das 7h30 às 11h30, de segunda a sexta-feira. O telefone para contato é o 3907-5429.

 

O alistamento militar, no período de 2 de janeiro a 30 de junho, é obrigatório e independe de grau de escolaridade. O Serviço Militar inicial obrigatório tem duração de 12 meses, e pode ser reduzido por dois meses ou prorrogado por até seis meses.

 

O brasileiro residente no exterior em idade de alistamento deve dirigir-se à representação consular (Consulado ou Embaixada) mais próxima e realizar o seu alistamento. Assim que retornar ao Brasil, deverá procurar uma Junta de Serviço Militar.

 

Os cidadãos poderão indicar sua preferência pela Marinha, Exército ou Força Aérea durante a seleção geral. Somente será atendido, caso se enquadre nos perfis previamente estabelecidos para cada força armada, de acordo com a disponibilidade de vagas.