Com apoio da Agetrat, Clube dos Desbravadores promove blitz educativa

Com apoio da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat), o Clube dos Desbravadores Formigas realizou na tarde do sábado, 25 de agosto, a blitz “Quebrando o Silêncio”. A ação teve como o objetivo levar uma mensagem de esperança e carinho aos cidadãos corumbaenses e bolivianos. Em torno de 150 pessoas foram abordadas. A iniciativa contou com participação de 50 jovens do Clube dos Desbravadores.

 

A ação faz parte do projeto “Quebrando o Silêncio”, realizado pela Igreja Adventista através do Clube de Desbravadores. Esse ano o tema foi “Não quero morrer”, que exaltou uma preocupação à prática de suicídio. “Através de um abraço, de uma palavra de ânimo e até mesmo de um renovo espiritual as pessoas são estimuladas a resolverem seus problemas de outra maneira, que não seja tirando a própria vida”, disse Jeferson Braga, diretor de Desbravadores.

 

Antes de irem às ruas levar a mensagem, os próprios juvenis e jovens receberam instruções acerca do assunto. O capelão do Clube Formigas, Edilson Soares, disse que “a pessoa que suicida ou que tenta contra a própria vida não quer se matar ou morrer, ela quer tirar de dentro dela aquela angústia causada muitas vezes por causa de problemas que, na mente dela, não tem solução. Precisamos entender e ser a ajuda na hora certa, há muitos relatos de pessoas que quando se preparava para suicidar, acabou recebendo uma mensagem, um abraço ou uma palavra de carinho que a fez repensar”, afirmou.

 

A ação realizada pelo Clube de Desbravadores abre o calendário do Setembro Amarelo, mês de conscientização sobre a importância da prevenção ao suicídio.