Corumbá pede fim do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes

Uma grande caminhada, que percorreu as principais ruas da área central de Corumbá na manhã desta sexta-feira, 18 de maio, pediu o fim do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes. A atividade integrou a campanha 18 de Maio – Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. 

 

Coordenada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, a campanha tem como lema “Faça bonito, proteja nossas crianças e adolescentes”. O objetivo é incentivar a sociedade a assumir a responsabilidade do combate à violência contra crianças e adolescentes.

 

“Hoje é um dia de extrema importância para nós que estamos trabalhando para combater a violência sexual contra crianças e adolescentes. Hoje é um dia pontual porque nosso trabalho de enfrentamento é contínuo. Trabalhamos para conscientizar a sociedade da importância dessa ação e cuidado com nossas crianças e adolescentes”, disse a secretária municipal de Assistência Social, Gláucia Iunes.

 

De acordo com a secretária, Corumbá intensificou as ações da campanha este ano, tornando-a permanente. “Corumbá trabalha o ano inteiro no enfrentamento ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes”, disse.

 

A caminhada terminou no Jardim da Independência, onde foram premiadas as frases vencedoras do concurso de frases, que este ano contou com a participação de 10 escolas, 09 da rede municipal de ensino e 01 da rede particular e teve 68 frases inscritas.

 

O prefeito Marcelo Iunes participou da solenidade de premiação e destacou a importância da campanha 18 de Maio – Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.  “é uma questão que precisamos chamar atenção de todos. Precisamos de todos vocês, que denunciem e não fiquem com medo, denunciem aos seus pais, são as pessoas que mais amam vocês. Primeiramente aos pais e depois aos professores, que estão no dia a dia querendo o melhor para vocês. Não tenham medo”, disse o chefe do Executivo Municipal. Confira abaixo as frases vencedoras.


CAMPANHA 18 DE MAIO: CONCURSO DE FRASES

 

1º lugar: Rayssa Rocknen – 8ºano B

Escola Municipal Barão do Rio Branco

“Que país é esse onde tem abuso e exploração sexual de menores? Queremos ser protegidos e não corrompidos!”

 

2º lugar: Júlia Francy -7º ano B

Escola Municipal Barão do Rio Branco

“Eu nunca vou esquecer a dor e o sofrimento, mas você não vai me calar!”

 

3º lugar: Ana Beatriz Cerqueira – 7º ano A

Escola Municipal “Ângela Maria Pérez”

“Que as crianças sejam exploradas: na educação, com muita alimentação e com amor familiar.”

 

4º lugar: Lenir de Souza Carvalho – 9º ano A

Escola Municipal José de Souza Damy

“Se você foi ou está sendo abusado, não fique calado! Abuso sexual é errado e você não é culpado! Disque 100… Denuncie.”

 

5º lugar: Hanady Antar Mohamed – 9º ano A

Colégio Objetivo

“Abuso sexual pode acontecer no carnaval, em um festival até mesmo numa atração teatral. Temos que acabar com esse mal. Não se omita, denuncie!”

 

6º lugar: Giovanna Maarouf Fenuche – 8º ano A

Escola Municipal Pedro Paulo de Medeiros

“Exploração sexual de crianças e adolescentes, para quem abusa é motivo de satisfação, para a sociedade é motivo de indignação, para a justiça é motivo de punição e para Deus, talvez um pecado sem perdão”.

 

7º lugar: Thalita Morais Almeida – 8º ano B

Escola Municipal Barão do Rio Branco

“Cometer crime já é uma coisa ruim, mas abusar e permitir exploração sexual de crianças e adolescentes é a pior coisa que pode existir”. 

 

 8º lugar: Helen Bruna Arias Iriarte – 9º ano A

Escola Municipal José de Souza Damy

“Os crimes de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes devem ser eliminados! Respeito e proteção são nossos direitos! Garantam a nossa vida, não se omita!”

 

9º lugar: Tamires Divina Dias Andrade – 7º ano A

Escola Municipal Rural Polo Carlos Cárcano e Extensões

“Não seja conivente, denuncie todo e qualquer tipo de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes!”

 

10º lugar: Odair Flores Valentim – 8º ano A

Escola Municipal Rural de Educação Integral Eutrópia Gomes Pedroso

“Não faça o mal que você não queira receber. Faça só o bem que logo vem. Para todo mal: disque 100.”