Com vários serviços, prefeito entrega novo Centro de Atendimento ao Cidadão

O prefeito Marcelo Iunes inaugurou nesta terça-feira, 6  de março, o novo Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC) da Prefeitura de Corumbá. A unidade reúne diversos serviços da Administração Pública e funciona em um novo, moderno, bem equipado, amplo e confortável prédio localizado na rua Frei Mariano, entre a Delamare e a avenida General Rondon.

 

“Só de mudar a forma como a gente trata as pessoas, deixando de chamá-las de contribuinte para tratá-las como cidadão, mostra que a queremos o melhor para os munícipes e que estamos trabalhando para isso”, afirmou o chefe do Executivo municipal durante a entrega do novo CAC.

 

“Também preciso agradecer aos gerentes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal por nos dar esse apoio muito importante para o município. Essa parceria com essas duas instituições resultou em dois postos de atendimento específicos aqui dentro do prédio, mais uma facilidade para o cidadão”, complementou o prefeito.

 

Outro objetivo do novo CAC, destacou Marcelo Iunes, é aproximar ainda mais o Poder Público da população. “Precisamos mostrar respeito a todas essas pessoas que precisam do serviço público. A Prefeitura se preocupa muito os munícipes, com o cidadão corumbaense. Não estamos prensando só no contribuinte, na arrecadação, mas no cidadão, no bem estar de quem precisa dos serviços públicos e de quem trabalha aqui”, finalizou.

 

Além dos correspondentes bancários do Banco do Brasil e da Caixa, o CAC abriga setores da Secretaria Municipal de Finanças e Gestão, da Fundação do Meio Ambiente, da Agência Municipal de Trânsito (Agetrat), da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, da Vigilância Sanitária, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentável e da Procuradoria Geral do Município (PGM).

 

Decreto 1944

 

Ainda durante a inauguração do novo Centro de Atendimento ao Cidadão, o prefeito Marcelo Iunes também assinou o Decreto 1944, que otimizou a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e), a Escrituração Digital de Serviços Tomados e Intermediados e estabeleceu a obrigação da realização de Recadastramento Eletrônico.

 

Uma das novidades é possibilidade de emissão da Nota Fiscal Avulsa (NFS-e) online, após prévio credenciamento do contribuinte junto a Secretaria Especial de Fazenda. O decreto 1944 também foi assinado pelo secretário municipal de Finanças e Gestão, Alberto Saburo Kanayama e pelo secretário especial de Fazenda, Haroldo Ribeiro Cavassa.