Núcleo de Saúde da Família participa de capacitação por teleconferência

Na manhã de segunda-feira, 19 de fevereiro, a equipe do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB) do Município de Corumbá participou de teleconferência com a Secretaria de Estado de Saúde. A ação, ocorrida no auditório da Prefeitura, teve como objetivo atualizar os profissionais quanto a mudanças no processo de trabalho do Nasf-AB através de palestra via internet. A teleconferência teve supervisão da Gerência de Atenção em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde.

 

Fazem parte do Nasf-AB em Corumbá um educador físico, psicólogo, nutricionista, assistente social e fisioterapeuta que dão apoio à Estratégia Saúde da Família (ESF). Cada Unidade Básica de Saúde conta com equipe da ESF que trabalha cotidianamente atendendo o público. “O apoiador do Ministério da Saúde, Webster Pereira, ministrou a palestra juntamente com Marcelo Pedra. Os dois trabalharam os temas planejamento do trabalho do Nasf, relações de trabalho colaborativas, construção da agenda do Nasf, ações iniciais do Nasf, ações iniciais para o trabalho integrado entre Nasf e equipes de Atenção Básica”, explicou Ítala Apoliana Amorim, apoiadora da Estratégia Saúde da Família (ESF) do Município de Corumbá.

 

Conforme Ítala, a última capacitação online feita através da Secretaria de Estado de Saúde foi realizada no ano passado e a próxima atualização, prevista para abril, será presencial, em Campo Grande. “Na verdade, houve algumas mudanças na Política Nacional de Atenção Básica, por isso, é importante que o apoiador do Ministério da Saúde junto ao Estado venha trazer essas novidades para que cheguem até a ponta, até aos municípios e aos profissionais que trabalham diretamente com o público”, afirmou Ítala Amorim.

 

Ela explicou que o Nasf-AB existente em Corumbá é o tipo 1 que pode dar suporte até nove equipes de Saúde da Família. O trabalho dele tem a finalidade de fazer a retaguarda das ações das Estratégias Saúde da Família com atendimento compartilhado com profissionais das Unidades Básicas de Saúde, atendimentos individuais, ações coletivas de promoção e prevenção à saúde e incentivo à população a como cuidar da própria saúde.