Educação do Campo apresenta práticas e saberes utilizados no Pantanal

Com o objetivo de promover a integração das Escolas do Campo, com vistas à socialização das produções pedagógicas desenvolvidas nos espaços escolares e a valorização das diversas culturas presentes na região pantaneira, a Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretaria Municipal de Educação e o Núcleo de Educação do Campo, promove nesta quinta-feira, 5 de outubro, o I Encontro Municipal de Educação do Campo de Corumbá – 2017.

 

“Falar de educação do campo é falar do homem pantaneiro. Tenho certeza que se o prefeito Ruiter aqui estivesse estaria muito feliz, por estar cheio, pela comunidade estar aqui nesse I Encontro”, afirmou a secretária municipal de Educação, Maria Eulina Rocha dos Santos, que representou o preito de Corumbá na abertura do evento, realizado no Lar de Ismael. Maria Eulina também destacou a importância em conciliar o conhecimento escolar com os saberes empíricos do homem do campo.

 

“Os saberes dos sujeitos do campo são construídos e consolidados através dos conhecimentos sistematizados e, juntos com essa construção, a sua identidade também é construída. As nossas escolas, independente das áreas onde estão localizadas, consolidam os saberes da terra com o conhecimento científico elaborado no mundo acadêmico. Isso tudo para o atendimento, a permanência do sujeito no campo, com qualidade de vida. Esse é nosso objetivo”, pontuou.

 

“O acesso, a permanência com qualidade nas escolas, no seu espaço geográfico, isso é fazer política pública com eficiência e é isso que essa gestão faz. Acreditamos em cada comunidade, e por acreditar em cada comunidade, fazemos o que fazemos. Mostramos, através de trabalho, do apoio, da estimulação, da construção”, concluiu.

 

A presença dos parceiros no I Encontro de Educação do Campo foi elogiada pela supervisora do Núcleo de Educação do Campo da Secretaria de Educação, Eliene Urquiza. “É uma satisfação estar vivendo mais esse momento único, isso é de suma importância para toda escola do campo. Essa é uma maneira de fazer politica, politica com ações concretas que você vão poder vivenciar neste dia, tanto nos projetos pedagógicos quanto culturais e o entrosamento e a articulação entre nossas escolas”, afirmou, agradecendo a presença da Embrapa, da UFMS, da UFGD e da Agraer no evento.

 

Representando o Legislativo, o vereador Roberto Façanha reforçou a importância da ação. “Gostaria de parabenizar a professora Maria Eulina, que com toda sua equipe organiza esse maravilhoso evento, que envolve todas as comunidades escolares, sejam professores, alunos e pais. Nos sentimos orgulhos de fazer parte disso”, afirmou.

 

O encontro conta com inúmeras atividades, como: mostra de projetos pedagógicos das escolas do Campo, oficinas de pintura de rosto, repelente, xampu e chá natural, transformação de recicláveis e arte circense, amostra de reaproveitamento consciente de alimentos, atividades recreativas, feira do produtor mirim e produtos da agricultura familiar, além de apresentações culturais.