Notificada pelo Procon, Oi procura interessados em abrir franquia

Depois de notificada pela Agência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon, a empresa de telefonia Oi procura por interessados em abrir franquia em Corumbá. A concessionária de serviços de telecomunicações tem 90 dias para estabelecer loja física no município, cumprindo determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

 

Andréa Sampaio, diretora-executiva do Procon de Corumbá, explicou que a notificação foi possível porque no dia 06 de julho de 2017, o órgão municipal assumiu a cadeira de membro titular do Conselho de Usuários da Telefonia Oi. Durante aquela reunião extraordinária, foi dado prazo para que a empresa fizesse o que recomenda a Resolução nº 632/2014 da Anatel. A Resolução determina que em microrregiões onde existam ao menos cem mil habitantes, seja instalado posto de atendimento presencial da empresa.

 

“Havia duas lojas da Oi aqui em Corumbá, mas ambas fecharam e a população ficou sem atendimento presencial. Como existe essa Resolução e há a necessidade desse atendimento, visto que a Oi é a empresa líder de reclamações na cidade, demos esse prazo de 90 dias para eles instalarem a loja”, afirmou Andréa Sampaio. Para ela, o atendimento presencial é importante para minimizar problemas referentes aos serviços prestados pela empresa. Só no primeiro semestre do ano, houve 247 reclamações formais contra a Oi no município.

 

“Por exemplo, a pessoa liga para a Oi pedindo linha telefônica e pede com ela a internet. A gente sabe que o vendedor tem meta e às vezes acaba vendendo algo que não tem condições de oferecer. Quando o técnico vai na casa da pessoa instalar a linha, ele avisa que no local não tem porta para internet e o pessoa acaba não conseguindo cancelar o pedido de instalação, gerando problema para o consumidor. Com a loja física, o vendedor vai ver que no endereço não tem porta ou que no endereço tem porta de até alguns megas, por exemplo, e vai avisar ao cliente”, exemplificou Andréa Sampaio.

 

Entretanto, para que a instalação de uma loja física seja efetivada, a empresa de telefonia precisa vender a franquia, função que não pertence ao Procon. Qualquer pessoa interessada em abrir uma franquia da Oi em Corumbá precisa entrar em contato com a empresa pelo site www.oi.com.br e acessar o link http://www.oi.com.br/oi/sobre-a-oi/empresa/franquias-oi/conheca . Com isso, o empresário poderá conhecer melhor sobre a Oi, como ser um parceiro e, se foi de interesse, poderá atender a uma demanda urgente da população corumbaense.

 

“Nós estamos fazendo o nosso papel que é cobrar da empresa a instalação efetiva da loja presencial”, frisou Andréa Sampaio. A telefonia TIM também foi notificada pela Agência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor para esclarecer o porquê de não ter posto de atendimento na cidade. A TIM também recebeu prazo de 90 dias para instalar loja física em Corumbá.