Para Ruiter, reforma de escola garante inclusão de jovens indígenas

O incentivo à educação e a inclusão das famílias indígenas foi destacado pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira ao participar – junto com o governador Reinaldo Azambuja – da entrega da reforma e ampliação da Escola Estadual Indígena João Quirino de Carvalho – Toghopanãa, na aldeia Uberaba, de etnia Guató, na manhã desta terça-feira, 18 de julho.

 

“São ações para promover, cada vez mais, a inclusão de todos. É importante que vocês estejam bem, com saúde, educação, e acima de tudo que possam se sentir participativos em nosso meio”, afirmou o prefeito de Corumbá durante um breve discurso na solenidade de entrega das obras executadas pelo Governo do Estado.

 

Ruiter ressaltou que as ações, como a desenvolvida na aldeia indígena, mostram a presença do Governo em todas as partes do Estado. “O Governo está levando suas ações para todos os cantos, principalmente àquelas pessoas que mais precisam”, disse o chefe do Executivo corumbaense ao ressaltar que a necessidade de “fazer” supera as “dificuldades com recursos financeiros” enfrentados por conta do cenário de instabilidade pelo qual atravessa o país.

 

O prefeito lembrou que o Município mantém olhar atento para o cotidiano da aldeia Uberaba. Em abril deste ano, a Prefeitura fez um levantamento para identificar as demandas das 35 famílias da etnia Guató que vivem na aldeia, localizada na ilha Ínsua.

 

A coleta de dados foi realizada pela Fundação de Meio Ambiente do Pantanal. O diagnóstico teve como objetivo apontar as ações que precisam ser desenvolvidas na localidade para as quais a Administração Municipal busca parceiros para ações conjuntas. Entre as questões abordadas pelo Município estava situações relacionadas a programas de transferência de renda; produção familiar; atendimento médico; problemas ambientais e educação. Naquela oportunidade, o cacique Luiz Carlos de Souza Alvarenga apontou que a educação dos jovens índios era a maior preocupação da comunidade guató.

 

As obras e um porto

 

As obras de construção de três salas de aula, dois alojamentos (masculino e feminino), banheiros e refeitórios; troca de cobertura, de esquadrias e pisos; reforma da cozinha e demais sanitários; e uma pintura geral de todas as paredes custaram R$ 947.659,60 aos cofres estaduais. O governador Reinaldo Azambuja revelou que o Estado, em parceria com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), vai construir um porto na aldeia Uberaba. “Para dar melhores condições do ir e vir”, anunciou.

 

Atualmente com 50 alunos matriculados, Escola Estadual Indígena João Quirino de Carvalho – Toghopanãa oferta todas as séries do ensino fundamental e médio. As salas são multisseriadas distribuídas entre os períodos matutino (da 1ª a 7ª série) e vespertino (da 8ª série ao 3º ano do ensino médio).

 

A Aldeia Uberaba (Etnia Guató) está localizada na Ilha Ínsua, em Corumbá, a aproximadamente 350 km de distância da área urbana do município, fazendo divisa com o Estado de Mato Grosso e fronteira com a Bolívia. Existem aproximadamente 419 habitantes que integram as 50 famílias que vivem no local (Siasi/Sesai, 2014). Com informações do Portal de Notícias do Governo de MS.