Suplentes do Conselho Tutelar vão passar por curso de formação

Com a eleição para membros conselheiros tutelares suplentes – para o triênio 2017/2019 – realizada no domingo, 28 de maio, os dez mais votados na disputa passarão por um curso de formação, com duração de 60 horas, que tem previsão do início em junho.

 

O processo seletivo ocorreu em função da obrigatoriedade de possuir pessoas habilitadas e capacitadas para que, em caso de vacância da vaga de Conselheiro Tutelar Titular, seja por motivo de férias, afastamento por licença médica ou ainda por desistência do Titular, o suplente esteja apto em assumir a titularidade.

 

O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, é encarregado de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente. O processo é organizado pelo Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (CMDCA).

 

A apuração dos votos para suplentes do Conselho Tutelar teve o seguinte resultado:

 

Bruna Gonçalves de Mendonça – 222 votos

Aline Ramona de Andrade Silva – 169 votos

Moacir Candido Louveira – 217 votos

Nataly de Arruda Costa – 310 votos

Talita Silva de Assis Souza – 31 votos

Lucicléia Catarina da Silva Luz – 53 votos

Gyovanna Corrêa Alves – 229 votos

Jairo José dos Santos Cavassa – 25 votos

Alexsandra da Silva Farias Rodrigues – 83 votos

Juanita Darling Ramos Somoza – 56 votos

Deniz Alves Tiburcio – 130 votos

Suze Marques da Silva Santos – 34 votos

Ana Célia da Conceição – 127 votos

Hermes Ramão Colman de Azevedo – 89 votos

Luciana Nery de Freitas – 28 votos

Laura Helena Aponte Santana Midon – 40 votos

Lyanne Pessoa de Oliveira – 68 votos

Priscilla Pessoa de Oliveira – 80 votos