Integração entre Município e Polícia traz o maior efetivo de todos os tempos para o Carnaval

Avaliando o aumento considerável de pessoas em Corumbá, o Município firmou parceria com a Polícia Militar para intensificar a segurança durante o evento. A PM disponibilizará policiais de outros municípios, que complementarão o quadro local. As equipes serão subdivididas nos locais onde haverão as festividades. “Nosso desafio é integrar todas as forças de segurança, pois a parceria entre estes órgãos, com troca de informações e operações conjuntas irá transformar a realidade da segurança em nosso município”, afirmou o diretor-executivo da Agência Municipal de Segurança Pública,  Jorge José Pinto de Castro.

 

O comando-geral da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul se comprometeu a enviar efetivo durante a Folia de Momo, “somos cientes da dimensão do evento no município, por isso, enviaremos efetivo, além do policiamento especializado em segurança de grandes eventos, como o Primeiro Esquadrão de Polícia Militar Montada”, explica o coronel Waldir Ribeiro Acosta, comandante-geral da instituição.

 

O Município de Corumbá também formalizou parcerias com a Polícia Militar Rodoviária, que enviará policiais e viaturas para o monitoramento na rodovia BR 262, que liga Corumbá a outros municípios, além de compor a força-tarefa, a fim de tranquilizar os foliões e inibir a criminalidade, garantiu o comandante da instituição, tenente-coronel Hélio Gauto Rios.

 

A estratégia de segurança pública inicia com uma capacitação de todos os policiais e guardas municipais realizada pelo Batalhão de Choque de 13 a 18 de fevereiro. Serão repassados métodos aplicados em grandes eventos, que garantem a segurança dos foliões. Além da capacitação, a Agência Municipal de Segurança Pública também realizará operações “pré-carnaval”, que tem como objetivo cumprir mandados de prisão, bem como apreensão de armas e drogas. “Para tranquilizar a população, o Carnaval deste ano terá o maior efetivo de todos os tempos, com a atuação de mais guardas municipais, segurança privadas e policiais na rua, atendendo ao circuito do evento, e também todos os bairros da cidade”, finalizou o diretor-executivo da Ageseg.