UPA de Corumbá comemora dois anos de funcionamento

A Secretaria Municipal de Saúde comemorou nesta segunda-feira, 30 de janeiro, o segundo ano de fundação da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Doutor José Abílio Maciel de Barros, no bairro Guató. A unidade que é composta por funcionários, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e radiologia, farmacêuticos, assistentes sociais e atendentes, atualmente realiza mais de 700 atendimentos diários.

 

“Quando iniciamos o projeto da criação ainda na gestão do prefeito Ruiter, aquela é uma área que ficaria estratégica para a saída da cidade, caso houvesse acidentes e também estaria perto de Ladário, na parte alta. Essa era a nossa intenção, facilitar o acesso das pessoas que moram naquela região para atendimento de urgência e emergência não precisar descer para ser atendido no Pronto Socorro. Essa era a nossa estratégia quando o projeto foi planejado. Foi terminado na gestão do prefeito Ruiter, mas faltou a entrega do prédio com a instalação das equipes, e dessa forma foi realizada a transição para dar continuidade na gestão seguinte”, afirmou a gerente de gestão operacional Tatiana da Silva Santos Mattos, ainda enfatizando a maior procura de atendimentos na UPA, “a população recebeu muito bem o serviço, e hoje ela é nossa parceira”.

 

De acordo com dados repassados pela Secretaria de Saúde, o Pronto Socorro manteve a cada 24 horas cerca de 300 atendimentos. Já a Unidade de Pronto Atendimento assisti 700 pessoas a cada 24 horas.

 

Conforme portaria publicada no Diário Oficial no final do ano passado, o município recebeu uma UPA ampliada, e por isso, recebeu um aporte de recurso e consequentemente de profissionais médicos. Atualmente o estabelecimento funciona com quatro médicos, sendo dois para o período matutino e dois à noite a cada 24 horas.

 

A população conta com atendimentos de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), além de equipamentos como ventilador pulmonar, monitor cardíaco e respiração, eletrocardiógrafo, cardioversor, oxímetro de pulso, rede de gases medicinais canalizada, foco cirúrgico, bomba de infusão, detector fetal, bisturi elétrico, e o primeiro aparelho de Raio-X digital da cidade.

 

A Unidade de Pronto Atendimento é composta de salas estruturadas para observação, intervenções de emergência, farmácias interna e externa, dois consultórios médicos, assistência social, classificação de risco, inalação, gesso, sutura, medicação, coleta de material para exames, esterilização, área de higienização, de lavagem e descontaminação, além de repouso masculino e feminino com capacidade para oito pessoas cada um, almoxarifado, banheiros/vestiários internos (masculino e feminino), administração e recepção.