Mobilização marca ações de combate à exploração de criança e adolescente

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescente, celebrado nesta quarta-feira, 18 de maio, está sendo lembrando com uma extensa programação aberta no dia 13. E hoje, a data está sendo marcada com uma palestra na Escola Municipal Ângela Maria Perez; caminhada às 15 horas no Bairro Cristo Redentor com alunos da Escola Municipal José de Souza Damy e da CRIPAM/CAIJ (Centro de Apoio Infanto Juvenil); além de uma apresentação de dança e música pelas crianças e adolescentes do projeto Proteger é Preciso, uma parceria do Moinho, Fundação Vale, CREAS e da Mineradora Vale, no Moinho Cultural Sul-Americano, também as 15 horas.

 

A programação da data está a cargo da Secretaria de Assistência Social e Cidadania da Prefeitura de Corumbá, que está realizando a Campanha Faça Bonito – Proteja nossas crianças e adolescentes, organizada pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), iniciada no dia 13 de maio na Escola Municipal Tilma Fernandes Veiga. O encerramento será no dia 20 na Praça CEU Helô Urt.

 

Para a secretária Mabel Aguilar, é uma oportunidade de mostrar à população os serviços da Secretaria de Assistência Social e Cidadania para o atendimento a esse público. “É um momento de divulgar que em Corumbá há uma rede de proteção social às crianças e adolescentes, vítimas de violação de direitos, em especial contra o abuso e a exploração sexual. Que existem locais onde as famílias podem buscar informações, atendimentos e orientações, e denunciar, principalmente”, disse.

 

Mabel informa que a mobilização, além da prevenção, visa fortalecer e encorajar a população para fazer as denúncias em relação à violência, sensibilizando e conscientizando toda sociedade que deve estar junto com os mais diferentes organismos, no combate a este tipo de crime.

 

A campanha está permitindo realizar atividades de mobilização com foco na prevenção, com a divulgação do Disque 100, um serviço gratuito que funciona 24h, nos sete dias da semana para receber denúncias de violência contra crianças e adolescentes, e o 08006474488 do Conselho Tutelar.

 

As atividades foram abertas no dia 13 e, no sábado, 14, aconteceu uma blitz educativa na Rua Frei Mariano esquina da Rua 13 de Junho, momento em que as equipes técnica e de abordagem social do CREAS sensibilizaram, informaram e conscientizaram condutores e passageiros de 500 veículos, distribuindo saco-lister (porta lixo) divulgando o tema da campanha e o Disque 100.

 

Ao mesmo tempo, nas escolas públicas, privadas e instituições não governamentais estão sendo realizadas palestras e rodas de conversas com as crianças e adolescentes de 10 a 16 anos, que cursam do 6º ano do Ensino Fundamental ao Ensino Médio, para torná-los multiplicadores na prevenção ao abuso e exploração sexual.

 

Além das atividades de hoje, a programação prevê para amanhã, dia 19, mobilização em Albuquerque. No dia 20 acontecerá na Praça CEU Helô Urt, uma tarde de cinema e revoada de balões.

 

Em toda a cidade

 

A campanha está sendo desenvolvia também em outros pontos da cidade, com abordagem de funcionários de bares, restaurantes, lanchonetes, lojas, comércio em geral, hotéis, pousadas, postos de combustíveis, postos de taxistas, moto taxistas e empresas de ônibus. A previsão é fazer a panfletagem com 5.000 folder, 2.000 porta lixo, 500 estojos e 200 camisetas para divulgar a campanha.

 

Em 2015, o CREAS em Corumbá atendeu 63 casos de violência sexual, sendo 61 de abuso sexual e 02 de exploração sexual. No ano de 2016, de janeiro a abril, já foram atendidos 27 casos de abuso e 01 de exploração sexual. Estudos comprovam que a maioria dos abusadores são pessoas próximas às vítimas sendo a prevenção, a melhor forma de coibir essa violência.

 

A data

 

O dia 18 de maio é lembrado em todo o Brasil como símbolo da luta contra a exploração e o abuso sexual de crianças e adolescentes. A data reforça a importância da articulação de políticas públicas na superação da violência sexual sofrida pelas crianças, adolescentes e suas famílias.