Moradores do Cristo buscam serviços diversos durante a ação Prefeitura no Bairro

Um grande número de pessoas compareceu na manhã de sábado, 16 de abril, à Escola Municipal José de Souza Damy, onde a Prefeitura de Corumbá realizou mais uma edição da ação Prefeitura no Bairro. Dessa vez, os moradores do Cristo Redentor e imediações puderam se beneficiar com os serviços prestados por órgãos do Executivo Municipal e também de parceiros como os Correios, com o qual foi possível retirar o CPF, e a Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso do Sul, que prestou orientações e esclarecimentos ao público.

 

Saúde, Assistência, Cultura, Educação, Meio Ambiente foram alguns dos setores que ofereceram atendimentos que foram desde emissão de documentos, regularização de cadastros, passando por consultas médicas e odontológicas, orientação com brincadeiras e teatro infantil, até audiência com o prefeito Paulo Duarte, que instalou provisoriamente seu gabinete em uma das salas da unidade educacional para ouvir as demandas de lideranças locais.

 

Greice Correa foi uma das primeiras atendidas na sala destinada à retirada do CPF. Ela trouxe as duas filhas adolescentes, Lohaynie (16 anos) e Kamilly (12 anos) para tirarem pela primeira vez o documento. “Tendo aqui perto de casa é melhor. A gente vem na manhã e sendo sábado, facilita para ente que não precisa ir ao Centro. O atendimento é rápido e já resolve essa situação das duas que estão precisando do documento, ainda mais a mais velha que já está concluindo o ensino médio e precisa para concursos, por exemplo”, disse a mãe.

 

Já Maria Gomes de Araújo, 56 anos, aproveitou mesmo o dia para mudar o visual. Mas não foi apenas ela, pois a dona de casa levou também nora e neto para cortarem o cabelo de forma gratuita. “Já estava muito grande o meu, pedi pra tirar bastante, assim como do meu netinho, que agora está sentindo menos calor. Essa ação aqui no bairro é uma beleza, a gente que mais é que tenha sempre”, disse a moradora.

 

Com 78 anos de idade, Maria Luzinete Leite da Silva, chegou cedo à escola para resolver um problema. Sua certidão original de nascimento, devido ao tempo, já estava com dados praticamente ilegíveis. “Gostei muito porque bem rápido o atendimento, eu estava tendo muita chateação porque não estava mais dado para ler as informações no documento. Agora, vou ter uma novinha”, disse a idosa.

 

Quem também saiu feliz da ação foi o senhor Inácio Barro ao deixar para trás uma dor de dentes que lhe tirava a paz. Ele refez uma obturação e aprovou o trabalho da equipe odontológica. “Nem senti dor quando a doutora mexia no dente. Ainda foi super rápido, não estou mais com aquele desconforto. Cheguei cedo aqui porque queria resolver isso e saio muito satisfeito porque resolvi aqui perto de casa”, disse o senhor que mora há 10 anos no bairro Cristo Redentor.