Corumbá terá 18 pontos de vacinação contra a H1N1 no Dia D

A Secretaria de Saúde de Corumbá está se preparando para o Dia D de vacinação contra a influenza (gripe) que acontecerá no dia 30 de abril, data quando a campanha será lançada no município pantaneiro. A meta estipulada pelo Ministério da Saúde para Corumbá é imunizar 24.501 pessoas que estão incluídas dentro dos grupos prioritários.

 

Apesar da Prefeitura Municipal de Corumbá, por meio da Secretaria de Saúde, ter solicitado, com apoio do Ministério Público de Mato Grosso do Sul, o envio de doses para toda população, o Ministério da Saúde, por meio da Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunização (CGPNI), enviou nota informativa em março afirmando que disponibilizará apenas quantitativo para grupos prioritários.

 

Receberão gratuitamente a dose da vacina contra a gripe: crianças de seis meses até cinco anos incompletos; gestantes; puérperas (mulheres até 45 dias após o parto); trabalhadores da Sáude; indígenas; idosos (com 60 anos ou mais de idade); adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que cumprem medidas socioeducativas; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional; pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

 

Em todos os casos, lembra a secretária de Saúde, Deisiane Pires Rodrigues da Silva, é preciso que o cidadão apresente documento pessoal e carteira de vacinação quando há. Para pessoas com doenças crônicas, além disso, será exigida a apresentação de laudo médico atestando a necessidade de aplicação da vacina.

 

Para o Dia D, a Prefeitura de Corumbá irá disponibilizar 18 locais de vacinação em diferentes pontos da cidade que funcionarão ininterruptamente das 08h às 16h. São eles: ESF São Bartolomeu; ESF Ênio Cunha I; ESF Ênio Cunha II; ESF Popular Velha; ESF Fernando Moutinho ;Centro de Convivência de Idosos; ESF Nova Corumbá; ESF Lucia Maria Pereira de Carvalho; ESF Beira Rio; ESF Gastão de Oliveira; ESF Luís Fragelli; ESF Angélica Anache (Vitória Régia); ESF Padre Ernesto Sassida; ESF Aziss Tajher Yunes (Aeroporto I); ESF Aeroporto II; ESF Pedro Paulo II ;ESF Humberto Pereira e ESF Centro.

 

“No dia D, mobilizamos uma grande estrutura com profissionais com o propósito de imunizar o maior número de pessoas. Muitas deixam para ir no último dia da campanha e isso acaba congestionando o serviço, além do que, após a aplicação, a vacina começa a produzir efeito após 2 a 3 semanas, então é bom que as pessoas procurem os postos já no dia D ou o quanto antes até o dia final”, disse Deisiane ao informar que a campanha segue até o dia 20 de maio após seu lançamento.

 

Para Corumbá, a meta por cada grupo prioritário está assim definida: 3.048 crianças seis meses a menor de dois anos; 5.282 crianças de dois a quatro anos; 2.939 trabalhadores de Saúde; 1.524 gestantes; 251 puérperas; 203 indígenas; 9.729 idosos, e 1.525 pessoas com comorbidades.