Com experiência de 28 anos, corumbaense guia participantes do Adventure

Para a grande maioria dos integrantes da Adventure Week Pantanal & Bonito, Corumbá foi o ponto final de uma longa viagem. Como quase todos da comitiva não residem no Brasil, foi preciso enfrentar muitas horas de voo para chegar até a Capital do Pantanal. E o percurso só não foi ainda mais longo graças à conexão aérea entre a cidade e Campinas.

 

Atualmente os quatro voos semanais operacionalizados pela Azul permitem diversas opções para todos os cantos do País e também para o exterior. Após o desembarque, os empresários e jornalistas que participam do evento seguiram para o hotel, onde almoçaram e descansaram por algumas horas.

 

No final da tarde, eles percorram a pé as principais ruas do Centro da cidade até o Porto Geral. No caminho, muita atenção aos prédios históricos, praças e ao casario. O guia dessa excursão foi o corumbaense Gilberto Magalhaes Neto. Há 28 anos se dedicando ao turismo, Giba, como é mais conhecido no ramo, apresentou cada particularidade da cidade, inclusive das praças da Independência e da República, que estão em reforma.  

 

“Fui recepcioná-los e fazer a parte de guia, ou seja, dar as informações necessárias para que eles tenham uma boa receptividade aqui, aproveitem bastante e que comprem o nosso produto, o que é fácil, porque ele já está aí, pronto, na nossa frente”, afirmou o profissional.

 

“Corumbá é um patrimônio histórico, uma cidade fantástica. Vamos passar o máximo possível de informações sobre nossa cidade, além do Pantanal. Vamos falar muito sobre nossa cultura, o Carnaval, a Festa de São João. Com certeza fica muito mais fácil vender o Pantanal quando você tem uma cidade ao lado com essas riquezas fenomenais, que é Corumbá”, completou Giba.

 

Segundo ele, o Pantanal é um fenômeno da natureza e atrai muitos estrangeiros que gostam da vida selvagem. Com o Adventure Week, a expectativa é de mais pessoas apaixonadas pelo meio ambientem venham conhecer esse paraíso natural. “Estamos num lugar repleto disso. Talvez a Amazônia receba mais a mídia, mas é o Pantanal que mostra os animais silvestres de perto”, avaliou.

 

“Acredito que teremos 100% de aproveitamento para o setor, que está sendo muito bem explorado e muito bem arquitetado pela Prefeitura. Estou comovido porque, além de ser convidado para participar desse momento, me emociono porque temos aqui um produto espetacular. Enquanto muitos dizem que o País está parado, eu não vejo por esse prisma. Vejo que o País está caminhando para quem gosta de trabalhar”, finalizou Gilberto.

 

Após a caminhada, os participantes contemplaram o pôr do sol e voltaram para o hotel. À noite eles participam de um jantar no antigo Hotel Galileo, onde terão contato com um pouco da culinária local e se encontrarão com o prefeito Paulo Duarte. Nesta quinta-feira pela manhã, eles conhecerão o artesanato local e detalhes do Carnaval e do Arraial do Banho de São João. À tarde eles embarcam para um cruzeiro fluvial até o Porto da Manga, onde conhecerão a Estrada Parque e pousadas da região.