Após drenagem, começa pavimentação da Rua Pará, no Jardim dos Estados

A Prefeitura de Corumbá iniciou na manhã desta terça-feira, 05, a pavimentação asfáltica da Rua Pará, entre a Cyríaco de Toledo e José Fragelli, no Jardim dos Estados. A obra foi autorizada na segunda-feira pelo prefeito Paulo Duarte em atendimento a uma antiga reivindicação dos moradores da região que sofriam com constantes inundações de seus imóveis e alagamento da própria via, durante as chuvas, sem contar com a poeira em períodos de seca.

 

Ao autorizar os serviços, o prefeito foi taxativo afirmando que o início seria imediato. Os serviços foram iniciados na manhã de hoje com a terraplanagem de todo o trecho. A pavimentação somente está sendo possível após a execução, por parte da Prefeitura, de uma obra de drenagem, que foi necessária para captação de água pluvial, no sentido de eliminar as inundações que já causaram enormes transtornos aos moradores e também a estudantes, professores e direção da Escola Municipal Ângela Maria Perez.

 

A dona de casa Alba de Arruda, moradora na Rua Pará há 23 anos, acompanhou de perto o início dos serviços. Ontem ele participou do ato em que o prefeito autorizou a obra e disse que ele “tem olhado para nós aqui do bairro”. A moradora lembrou da época em que a Escola Ângela Perez foi construída e que o problema de inundação já ocorria.

 

“Ali no meio da quadra – disse apontado em direção à escola – ficava cheio de água quando chovia. As casas também ficavam cheia de água. Agora este problema vai acabar”, afirmou. Sua neta, Alice Mota Nunes e a amiga Daniele Souza dos Santos, apesar da pouca idade, 12 e 13 anos respectivamente, também relataram fatos ocorridos durante as últimas chuvas. Segundo elas, a água descia por um canal aberto para evitar alagamento das casas e as crianças brincavam, “até mergulhavam naquela água vermelha”, disseram.

 

A pavimentação da Rua Pará acontece após a execução da drenagem que atingiu também a Rua José Fragelli, a próxima que será pavimentada pela Prefeitura naquele bairro. A obra faz parte de um projeto desenvolvido pelo município que já atendeu a Rua Pará, no trecho entre a José Fragelli e Marechal Deodoro, onde não houve necessidade de drenagem profunda, apenas superficial. Todo o serviço está sendo executado com recursos próprios, oriundos de impostos que a população paga.