Prefeitura e Governo reforçam parceria por mais investimentos na região

Durante abertura oficial da Rota do Desenvolvimento – Circuito Pantanal, realizada na tarde desta quarta-feira, 16 de março, o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, e o governador de Mato Grosso do  Sul, Reinaldo Azambuja assinaram documentos importantes, significando investimentos e incentivos para a região.

 

Um deles foi o decreto que instituiu o Programa de Estímulo à Exportação ou à Importação pelos portos do rio Paraguai, entre os municípios de Porto Murtinho, Corumbá e Ladário.“É a grande saída em termos de logística e redução e custo e esse debate que está sendo feito aqui hoje. Esse incentivo fiscal que foram exportados pelos portos de Corumbá, Ladário e Murtinho fortalecem o destino da hidrovia que é uma saída importante não só para a economia da nossa região, mas para o Estado”, lembrou Duarte que disse ainda. “O que nós precisamos é unir esforços, o que menos precisamos nesse momento é nominação partidária, o que interessa é trabalhar, parar de antecipar processos eleitorais”, ponderou.

 

Adotando a mesma linha de pensamento do prefeito corumbaense, o governador Reinaldo Azambuja ressaltou a forma de trabalho de sua gestão, enfatizando que o foco reside no cidadão. “Quando fui prefeito de Maracajú, infelizmente tive um governador que olhava para minha cidade e enxergava-me como o símbolo do PSDB, sendo assim, não ajudava a cidade. Na verdade, ele não prejudicou o prefeito , mas a cidade, então essa questão política cria um impasse, mas o nosso Governo olha para as cidades e não enxerga partido, mas sim pessoas”, disse ao citar a mais recente destinação de recursos para o município pantaneiro confirmada também nesta quarta-feira.

 

“Faremos parcerias que precisam, só aqui em Corumbá são mais de 5 milhões em recapeamento em vias públicas, integralmente do Governo do Estado, fruto dos impostos que vocês pagam”, afirmou. Esse trabalho de recapeamento se somará às 66 quadras já recuperadas com recursos próprios da Prefeitura de Corumbá.

 

Ainda em forma de parceria, o prefeito de Corumbá adiantou ao governador que a Secretaria Municipal de Saúde encaminhou projeto para a ampliação de leitos no Hospital de Caridade. Pelo documento, o Estado apoiará com recursos próprios a construção de 30 novos leitos. “Não basta a Caravana da Saúde passar, é uma estrutura regional de Saúde de média e grande complexidade para que as pessoas possam ser atendidas com UTIS, ressonância e cirurgias. Saúde é realmente um problema no país, mas dá para se resolver com boa vontade”, avaliou o governador.

 

Na oportunidade, o Governo do Estado também concedeu licenças ambientais para empreendimentos locais, dentre eles, o Caimasul, frigorífico de jacarés que prepara-se para operar em Corumbá com uma estrutura sem igual do setor no país. “Estamos assistindo empreendimentos não apenas de grande porte, mas também o micro empreendedor. Para ter-se uma ideia desde 2013, no início de nossa gestão foram abertas 1758 empresas em Corumbá, mostrando ao empreendedor que se regularizar não significa pagar mais impostos, mas ter direitos”, disse Duarte.

 

Na área ambiental, a estruturação do Geopark Bodoquena-Pantanal ganhou um passo importante com a assinatura do termo de compromisso entre a Fundect, as prefeituras municipais de Corumbá e Ladário e o Programa do Geopark para a implantação de um núcleo de gestão. Com essa estrutura será possível desenvolver ações e políticas públicas que desenvolvam o potencial de pesquisa e turístico da região onde foi realizada uma das maiores descobertas geológicas do mundo, o fóssil Corumbella werneri, forma mais antiga de vida vertebrada do planeta.

 

Sobre infraestrutura, o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, aproveitou a oportunidade para solicitar novas parcerias com o Governo do Estado, sobretudo para atender aos moradores do conjunto habitacional Padre Ernesto Sassida, obra oriunda da falta de planejamento e comprometimento com o cidadão por parte de governos passados que entregaram centenas de unidades habitacionais populares em a infraestrutura básica necessária.

 

Com uma expectativa de atender 500 pessoas somente no seu primeiro dia de realização, a Rota do Desenvolvimento superou já nesta terça-feira, a marca de 700 participantes em palestras, rodas de negócios e demais atividades que seguem até o final da tarde desta quarta-feira, 16, nas dependências do SESC Corumbá, no Porto Geral.