Começa no SENAC, o curso técnico de Guia de Turismo de Corumbá

Aberto em Corumbá o curso técnico de Guia de Turismo que está sendo realizado pelo SENAC, em parceria com a Prefeitura Municipal. As aulas teóricas e práticas foram iniciadas na semana passada e são destinadas a pessoas interessadas em se tornar um profissional da área de turismo.

 

Com uma carga horária de 800 horas e duração de 18 meses, o curso Técnico em Guia de Turismo está sendo viabilizado pelo do Programa SENAC de Gratuidade (PSG), a partir da demanda gerada por empresários locais, com o apoio da Fundação de Turismo do Pantanal e o COMTUR.

 

Segundo a diretora-presidente da FUNDTUR/Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes, que foi recepcionar os alunos em nome do governo municipal, o curso reflete a importância de fortalecer a cadeia produtiva do turismo.

 

“Estamos certos de que a qualificação se refletirá diretamente na melhoria do padrão dos serviços prestados, contribuindo para a expansão dessa atividade econômica que é tão importante para o município de Corumbá”, disse.

 

Foram preenchidas as 25 vagas ofertadas, com cadastro de reserva devido a grande procura. Além das aulas práticas, obrigatórias no curso, os alunos farão visitas técnicas no aeroporto, rodoviária, museu, bem como caminhadas e trilhas para saber sobre a história e cultura de Corumbá e do Pantanal. O objetivo é desenvolver os conhecimentos necessários para a atividade de guiamento de turistas.

 

Para a presidente do COMTUR de Corumbá, Joice Carla Santana, a formação de novos guias de turismo para o setor, atende os anseios do trade local. “Estávamos a mais de uma década sem a oferta de Curso Técnico para Guias de Turismo em Corumbá, certamente essa formação ampliará a capacidade dos serviços prestados”.

 

A programação contempla, além da teoria e aulas práticas, city tour, passeios pela Estrada Parque Pantanal, bem como duas viagens interestaduais.

 

Segundo o SENAC, Unidade Corumbá, o curso possibilita desenvolver diversas competências com base no perfil profissional da ocupação. A capacitação é voltada para a formação de profissionais capazes de transmitir informações socioculturais, históricas, ambientais e geográficas, sejam em traslados, passeios, visitas ou viagens em âmbito local, regional e nacional.