Saúde capacita mais militares para ações de combate ao Aedes aegypti

Mais 19 militares do Exército Brasileiro estão sendo capacitados Pela Prefeitura Municipal como agentes especiais de endemias para reforçar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti em Corumbá. O trabalho está a cargo da Secretaria de Saúde, por meio da Coordenação de Controle de Vetores, e integra uma parceria estabelecida pelo Município com as Forças Militares (Exército, Marinha e Aeronáutica), que estão participando de forma ativa na prevenção e combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

 

Esta é a segunda capacitação direcionada a militares do Exército Brasileiro nos últimos dias. Na anterior, foram formados 30 agentes especiais de endemias. Agora, mais 19 estão participando do treinamento iniciado na manhã desta terça-feira, 23, no quartel do 17º Batalhão de Fronteira.

 

O primeiro tema focado nesta etapa foi sobre “Humanização e o SUS na Fronteira”, a cargo de Desiane Silva, que está respondendo interinamente pela Secretaria de Saúde, seguido de Vigilância Epidemiológica, com Mariângela Capurro, e Biologia do Aedes aegypti, com Grace Bastos, coordenadora do CCV.

 

A capacitação tem sequência à tarde, das 13 às 17 horas, com informações sobre o Programa Nacional de Controle da Dengue e Plano Nacional Enfrentamento a Microcefalia, com Grace Bastos; atribuições do Agente Especial em Endemias (Identificação de Criadouros), com Nathalia Rojas; atribuições do Supervisor de Campo, com Alessandra de Moraes e Margarida Bazan, e trabalho de rotina e ações pós-LIRAa, ações de bloqueio mecânico, com Margarida Bazan.

 

Já para amanhã, quarta-feira, os militares e seus superiores participam da reunião do Comitê de Mobilização Contra a Dengue, no auditório da Prefeitura, quando terão oportunidade de presenciar as palestras sobre “Trabalhos de Bloqueios Químicos e Pontos Estratégicos”, com Eliwelton Silva; “Educação em Saúde na Comunidade”, com Nathalia Lima, e “Vigilância em Saúde na Fronteira”; com Viviane Ametla, gerente de Vigilância em Saúde da secretaria.

 

Na parte da tarde haverá palestra sobre a atuação dos Agentes Especiais no combate ao Aedes aegypti, com Nathalia Rojas; atividades de fixação e práticas de campo, no período das 13 às 17 horas.