Prefeito reforça pedido de mais policiais na posse do novo comandante da PM

O prefeito Paulo Duarte participou da cerimônia de posse do novo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jorge Edgard Júdice Teixeira, na manhã desta segunda-feira, 29, em Campo Grande, e reiterou o pedido já feito ao governador Reinaldo Azambuja de aumento do efetivo das forças de segurança pública estadual no município.

 

Ao se encontrar com o governador durante o ato, no palanque oficial armado na sede do comando-geral da PM, no Parque dos Poderes, o prefeito foi informado que o Governo do Estado estará lançando em Corumbá, no dia 16 de março, o sistema de vídeomonitoramento que está sendo montado pela Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública sob a coordenação da Polícia Militar.

 

“Recebemos do governador, mais uma vez, o compromisso do seu governo de atender Corumbá nesta questão crucial que é a segurança pública, considerando a nossa região de fronteira e a necessidade urgente de suprir as deficiências de efetivo tanto da Polícia Militar quanto da Polícia Civil, o que temos cobrado há anos”, afirmou Paulo Duarte.

 

Parceria

 

O prefeito disse que o coronel Jorge Júdice Teixeira conhece a realidade da fronteira de Corumbá com a Bolívia e o Paraguai, pois já comandou o batalhão da PM no município, e tem certeza que o novo comandante vai priorizar a região com o aumento do efetivo já autorizado pelo governador.

 

Paulo Duarte aproveitou a presença na cerimônia para também agradecer a atenção dada a Corumbá e região pelo ex-comandante-geral da PM, coronel Deusdete Souza de Oliveira, citando a implantação do sistema de vídeomonitoramento a ser lançado pelo governador Reinaldo Azambuja.

 

“Reafirmamos nosso propósito de fortalecer as parcerias com o governo do Estado no encontro com o governador e o novo comandante, e o aumento do efetivo e o sistema de monitoramento são investimentos em nossa segurança pública que traduzem essa ação de integração entre Município e Estado, com foco sempre na população”, acrescentou o prefeito.