Prefeitura leva projeto social a 400 trabalhadores da construção civil

A Prefeitura de Corumbá retomou esta semana as ações do projeto “Homem que respeita a Mulher, não bate!”, como forma de sensibilizar os trabalhadores corumbaense. A iniciativa é da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, sob coordenação da Gerência de Políticas para a Mulher, e executado pela equipe multidisciplinar do Centro de Referência de Atendimento à Mulher em Situação de Violência (CRAM).

 

O projeto está sendo desenvolvido na cidade já há três anos e, esta semana, as ações foram levadas para os cerca de 400 trabalhadores da empresa VBC Engenharia Ltda., responsáveis pela construção de 1040 unidades habitacionais na cidade, por meio do projeto Meu Doce Lar, desenvolvido pela Prefeitura em parceria com o Governo Federal, no âmbito do programa Minha Casa Minha Vida.

 

O projeto tem como foco a prevenção da violência contra a mulher a partir de palestras e rodas de conversas em instituições, órgãos e empresas, cujo quadro de trabalhadores, em sua maioria, é formado por homens.

 

Segundo a coordenadora do CRAM, psicóloga Rosiene Mauro do Espirito Santos, nesses três anos o projeto já atendeu 660 trabalhadores da Vale, Votorantim, Correio, Unipav, além de militares da Marinha e do Exército, e da própria Prefeitura Municipal.

 

A ação voltada aos trabalhadores da VBC foi iniciada na quarta-feira e concluídas na manhã desta quinta, 14, e contou com as participações do técnico de Segurança Allan Emanuel, e do engenheiro Gustavo Souza de Castro, responsável pela empresa na cidade.

 

Segundo a gerente de Políticas para a Mulher, Cristiane Sant´Anna, “esses espaços de diálogos são muito importantes para a conscientização de que a violência contra a mulher precisa ser banida da sociedade. Isto é prejudicial para toda a família e muitos homens, após esse trabalho, se tornam parceiros na luta pelo fim da violência contra a mulher”.