Pantanal Extremo e Extreminho foram abertos na noite de ontem

A terceira edição do Pantanal Extremo – Jogos de Aventura foi aberta na tarde dessa quinta-feira, 12, no Sesc. E paralelo ao evento, a principal novidade deste ano, o Extreminho, recebeu os 200 alunos da Reme que disputam a partir de hoje, 13, a Corrida de Aventura e a Canoagem, no parque Marina Gattass. Todos os estudantes receberam os kits esportivos para participarem da competição.

 

O prefeito Paulo Duarte deu boas vindas aos pequenos atletas. “Corumbá está sendo vista em todo o mundo, através desse belo evento, que é o Pantanal Extremo. E a participação de vocês é a oportunidade que temos de formar multiplicadores desses esportes que tem tudo a ver com o Pantanal, com Corumbá”, completou Duarte.

 

Com o principal objetivo de incentivar a prática esportiva entre os estudantes da Reme e familiarizá-los com algumas das modalidades do Pantanal Extremo, o Extreminho, complementa o trabalho iniciado na edição de 2014 com outro projeto piloto: a Escola Extrema. “Capacitamos os educadores físicos da Rede Municipal para eles trabalharem essas modalidades nas nossas escolas”, lembrou Roseane, secretária de Educação.

 

“Este projeto foi pensado em cada um de vocês, já sonhando com uma possível geração de atletas”, destacou.

 

Presente ao evento, o vereador Tadeu Vieira deixou uma mensagem aos estudantes. “O momento que vocês viverão jamais será esquecido. Peço que valorizem esse trabalho, que foi pensado com carinho para cada um de vocês, futuros atletas”, desejou o representante da câmara.

 

Para o coordenador do Pantanal Extremo, Rodrigo Terra, o Extreminho é um “filho novo”. “Nossa proposta é incentivar e permitir que, cada vez mais, as pessoas da cidade também façam parte dessas atividades”, disse, lembrando que houve uma grande procura por parte de alunos da rede particular, para participar do Extreminho.

 

Congresso Técnico

 

O congresso apresentou aos jovens e aos professores envolvidos na disputa todos os detalhes da Corrida de Aventura e da Canoagem, que acontecem nesta manhã, 13, no parque Marina Gattass.

 

Durante o encontro, os professores apresentaram Relatos e Experiência do Projeto Escola Extrema. Foram apresentados três dos 16 trabalhos desenvolvidos pelos professores de Educação Física da Reme relacionados aos esportes de aventura. O professor da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Felipe Soligo Barbosa, foi o mediador da apresentação. Os presidentes das federações estaduais de Corrida de Trilha e Canoagem também participaram do evento.

 

Provas

 

As provas do Extreminho começam às 8 horas no Marina Gattass, com a Corrida de Trilha. A modalidade vai reunir 142 estudantes de 11 a 14 anos das escolas municipais Luiz Feitosa Rodrigues, Pedro Paulo de Medeiros, Caic, Almirante Tamandaré, Tilma Fernandes Veiga, Barão do Rio Branco, José de Souza Damy, Rachid Bardauil, Delcidio do Amaral, Carlos Cárcano, Luiz de Albuquerque, Eutrópia Gomes Pedroso e Monte Azul.

 

Ainda hoje, 13, mas já no período vespertino, às 15 horas, 58 crianças disputam a canoagem. Estão envolvidas na prova alunos regularmente matriculados no Luiz Feitosa. Pedro Paulo, Tilma Fernandes, José Damy, Rachid Bardauil, e Luiz de Albuquerque. A Prefeitura vai providenciar o transporte de todos os atletas. Todos os competidores também receberão medalha de participação e os 5 primeiros colocados ainda levam pra casa um troféu.