Prefeitura implanta pavimento e atende moradores da Alameda Militar

Antigo drama dos moradores da Alameda Militar, localizada no Bairro Dom Bosco, chegou ao fim com as obras de pavimentação em lajotas sextavadas executadas pela Prefeitura Municipal. Os serviços foram concluídos nessa segunda quinzena de outubro e integram um projeto lançado pelo prefeito Paulo Duarte para atender vias públicas (alamedas) existentes na cidade, melhorando as condições de vida da população corumbaense.

 

Neste final de semana o prefeito Paulo Duarte, acompanhado do secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Gerson da Costa Melo, vistoriou a obra e conversou bastante com os moradores. “É mais uma obra que executamos na cidade que, além de melhorar as condições da via, reflete diretamente na saúde das pessoas”, disse o prefeito fazendo uma referência à poeira em período de seca.

 

alameda

Dona Advina recebeu prefeito em sua casa: “Era o que a gente sempre sonhava”.

 

Na visita, o Chefe do Executivo corumbaense se encontrou com dona Advina Sebastiana de Souza, de 69 anos, residente na alameda desde a década de 80. “Era o que a gente sempre sonhava. Acabaram os nossos problemas, a poeira, durante período seco, e a lama na chuva. Esta obra que a Prefeitura fez aqui dá qualidade de vida para todos nós”, afirmou Advina que recebeu o prefeito em sua casa.

 

A moradora lembrou-se de uma vizinha, dona Alice, já falecida, “que batalhou tanto por isso. Desde 1987 ela pedia por isso e os moradores chegaram fazer até abaixo-assinado. Uma pena que ela não chegou a ver nossa alameda pavimentada”, comentou.

 

Outra moradora satisfeita é Maria de Lurdes Mendes de Paula, de 76 anos. Além de ver sua alameda pavimentada, o acesso à sua casa também está sendo melhorado. “Tinha certeza que o senhor ia dar uma resposta para nós”, disse ela ao prefeito.

 

Quem também demonstrou contentamento foi dona Sonia Araújo, 61 anos. Ela afirmou ao prefeito que a pavimentação livra os moradores do sofrimento. “Eu mesmo já escorreguei aqui, na porta de casa, na lama, após uma chuva”, lembrou. E este risco ela não corre mais. Aproveitou a pavimentação em lajotas sextavadas e já fez a calçada em frente sua casa.

 

A pavimentação da Alameda Militar integra um programa lançado pelo prefeito no ano passado que está atendendo 32 alamedas na cidade localizadas na região norte (entre a rede ferroviária e o Rio Paraguai) e na região sul (parte alta da cidade).

 

Os serviços estão sendo executados com recursos próprios, oriundos de impostos que a população paga. Fazem parte da primeira etapa que prevê implantação de 28.786,86 metros quadrados de pavimento, além de 8.361,20 metros de drenagem superficial.

 

Na região norte, as obras contemplam alamedas existentes nos bairros Dom Bosco, Generoso, Cervejaria, Universitário e Centro da cidade. São 11.396,86 metros quadrados de pavimento, além de 3.336,60 metros de drenagem superficial.

 

Na região sul estão sendo atendidas 20 alamedas localizadas nos bairros Centro América, Aeroporto, Nova Corumbá, Popular Nova, Nossa Senhora de Fátima, Guanã, Guarani e Guaicurus. São 17.390,11 metros quadrados de pavimento, e 5.024,60 metros de drenagem superficial.

 

alameda

Maria de Lurdes: “Tinha certeza que o senhor daria um resposta para nós”