Prefeito anuncia mudanças nas fundações de Meio Ambiente e Cultura

A vice-prefeita Márcia Rolon deixa a Fundação de Cultura de Corumbá e assume Fundação de Meio Ambiente do Pantanal em substituição à bióloga Luciene Deová. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira, 29, pelo prefeito Paulo Duarte durante um encontro com servidores no SESC Corumbá. A pasta da Cultura passa ser ocupada agora por Joilson Silva da Cruz, que deixa a coordenação da Oficina de Dança do Pantanal.

 

“Conversamos muito com a Márcia, com a Luciene, com o Joilson e agora estamos aqui com vocês para anunciar as mudanças antes mesmo de publicar no Diário Oficial”, disse o prefeito no encontro com os servidores das duas pastas.

 

Conforme Duarte, a nomeação de Marcia Rolon na Fundação de Meio Ambiente tem como principal intuito, buscar novos caminhos para o setor. “O trabalho técnico vinha sendo muito bem conduzido pela Luciene. Mas é preciso buscar novos caminhos e a Márcia, pelo seu perfil político, é a pessoa indicada. Precisamos buscar recursos na esfera federal, aprovar projetos, e ela vai fazer isso”, destacou.

 

O nome de Márcia para a Fundação de Meio Ambiente, conforme o prefeito, deveu-se também ao fato de ela, além da área cultural, atuar nesse setor. A vice-prefeita já dirigiu o Instituto Homem Pantaneiro e conduziu projetos ambientais voltados à conservação do Pantanal e oficinas de capacitação profissional.

 

“Vamos continuar com a mesma garra de sempre, dando sequência a este projeto proposto pelo prefeito Paulo que já vinha sendo desenvolvido na Fundação. É um novo desafio em uma área que já atuamos muito, quando presidimos o Instituto Homem Pantaneiro, e até mesmo no Instituto Moinho do Pantanal onde, além da arte e da cultura, trabalhamos também as questões ambientais”, comentou Marcia Rolon.

 

Sobre Luciene Deová, o prefeito fez questão de informar à equipe técnica da instituição, que ela continuará desenvolvendo seu trabalho, “apoiando a Márcia, que terá um papel mais externo”, explicou.

 

Deová agradeceu ao prefeito a oportunidade de ter comandado a pasta nestes últimos dois anos e nove meses, e se colocou à disposição para continuar atuando na pasta ao lado de Marcia. “Só tenho que agradecer esta oportunidade e enaltecer o nosso prefeito que se preocupa muito com os funcionários, com o bem estar do servidor”, disse, para lembrar que um dos assuntos debatidos nestes últimos dias, no período de transição na pasta, foi em relação à estrutura física, que será melhorada.

 

Cultura

 

Em relação à Fundação de Cultura, Paulo anunciou o coordenador da Oficina de Dança, Joilson Cruz, por entender que ele está desempenhando um papel importante e que ele terá ao seu lado, José Antônio Garcia (Tanabi). “Muito já foi feito tanto no meio Ambiente quanto na Cultura. Queremos melhorar o que já está sendo feito e fazer muito mais, deixar um legado em Corumbá”, ressaltou, lembrando que “o projeto Caminhos da Cultura já é um legado que estamos deixando”.

 

Joilson pediu a colaboração de todos os servidores da Cultura, informando que precisará de todos para dar sequência ao trabalho que vem sendo desenvolvido na cidade. “Agradeço a confiança que o prefeito está depositando em mim e vamos continuar trabalhando pela cultura de Corumbá”, enfatizou.