Corumbaenses fazem uma viagem ao tempo e conhecem um pouco mais da cidade

Um grupo de 40 pessoas do Centro de Convivência de Idosos (CCI) mantido pela Prefeitura de Corumbá viveu uma manhã diferente esta semana. Todos trocaram as atividades que realizam na sede da instituição, localizada no Jardim dos Estados, e viajaram no tempo, contemplaram e reviveram momentos históricos já vividos por muitos deles que, um dia, ajudaram a construir a cidade.

 

Tudo isso foi possível graças à visita que eles fizeram ao centro histórico da cidade, na região do Porto Geral, no mês em que Corumbá completa seus 237 anos. O passeio integra um projeto de sensibilização turística desenvolvido pela Prefeitura, por meio da Fundação de Turismo do Pantanal, o Corumbá a Pé, que está oferecendo uma perspectiva para que o cidadão corumbaense descubra o Porto Geral, o cartão postal da cidade.

 

A Secretaria de Assistência Social e Cidadania aproveitou o programa para proporcionar às pessoas que frequentam o CCI, a oportunidade de participar das atividades disponibilizadas pelo Corumbá a Pé. E atingiu as expectativas.

 

Uma das integrantes do grupo, Tereza da Costa, que há mais de 20 anos não visitava o Porto Geral, logo no início do passeio, já tinha certeza que seria marcante. “Ah, isso tudo aqui é maravilhoso e eu já estava com saudades”, admirou a idosa. “Tenho certeza que eu nunca mais vou esquecer esse passeio. Foi a oportunidade de reviver cada pedacinho da história da minha vida e da minha família”, agradeceu.

 

Corumbá a Pé

Depois do Sesc Corumbá, grupo conheceu mais detalhes da nova Orla Portuária (Foto: Renê Marcio Carneiro)


Em um micro-ônibus, o grupo desembarcou no Sesc Corumbá, onde a ‘viagem’ começou. Lá, eles assistiram através do grande telão do Cine SESC, o vídeo promocional de Corumbá. “Esta é uma oportunidade de desenvolver com a turma da melhor idade, um programa de sensibilização turística, que é o Corumbá a Pé”, explicou a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes.

 

Ainda segundo ela, o programa consiste em uma caminhada interpretativa pelo Porto Geral com visitas aos principais pontos turísticos da Orla Portuária. “A proposta da Prefeitura é estimular que a população se aproprie da cidade”, comentou, acrescentando que esta ação com o grupo do Conviver, foi desenvolvida juntamente com a Secretaria de Assistência Social e Cidadania.

 

Após a visita ao Sesc Corumbá, o grupo caminhou até o Muphan, onde os integrantes conheceram um pouco da história da ocupação humana do Pantanal. “Às vezes eu visito o Porto, mas não conhecia esse museu”, comentou Silvério Ribeiro, de 78 anos, interessado nos acervos sobre a Guerra do Paraguai contra Tríplice Aliança. Atento, ele não tirava os olhos da guia que monitorava a visita pelo museu, prestando atenção em tudo que ela falava. “Tenho tudo guardado na minha memória”, comentava sempre ao ouvir um relato histórico.

 

Durante o percurso por toda a extensão do museu, eles chegaram aos tempos atuais com o Trem do Pantanal. Fizeram questão de ‘embarcar’ e viajar no tempo. “Que gostoso ficar aqui. Nem tenho vontade de descer”, relatou João Martins, de 80 anos, cearense, mas corumbaense por amor e opção há mais de oito anos. “Isso tudo aqui é uma riqueza sem tamanho. As pessoas precisam conhecer esse tesouro que é esta cidade”, declarou.

 

E assim foi. Caminhando pelo Porto Geral, o grupo conheceu cada pedacinho da Orla que teve uma profunda transformação no século 21. Muitos não conheciam. Outros se surpreenderam com a transformação e com os equipamentos atuais.

 

Ao término do passeio, o micro-ônibus já à espera deles, o sentimento era único: saudade. “Vontade de voltar e fazer tudo de novo”, disse Lídia Duram, de 61 anos. “A gente tem vontade de viajar para tantos lugares do Brasil, e esquece que aqui em Corumbá é o melhor lugar para viver e conhecer”, destacou. “Quero conhecer ainda mais da minha cidade antes de sair daqui”, finalizou.

 

Corumbá a pé

Outros grupos também serão atendidos com visitas ao Porto Geral (Foto: Renê Marcio Carneiro)

 

Novos grupos

 

A secretária de Assistência Social e Cidadania, Mabel Sahib Aguilar, informou que este foi o primeiro grupo. Explicou que a intenção é levar todos os idosos atendidos pelos programas sociais do CCI, dos Centros de Referência de Assistência Social, do Condomínio dos Idosos e do Asilo São José.

 

“O intuito é promover uma viagem para contemplar, conhecer ou reviver momentos históricos vividos por nossos idosos que trabalharam para construir a exuberante Corumbá de nossos dias, seu patrimônio histórico e artístico da área do Porto Geral de Corumbá”, explicou. “Por isso formamos esta parceria com a Fundação de Turismo, para atender a turma da melhor idade”, continuou.

 

O cronograma será cumprido até o mês de outubro. ”Iniciamos pelo Centro de Convivência dos Idosos e, em seguida, vamos levar os idosos do Asilo São José e dos Centros de Referência da Assistência Social e do Condomínio dos Idosos”, disse Mabel, adiantando que, nesta primeira etapa serão atendidos 270 idosos, sendo 40 participantes por passeio acompanhados por monitores e guias turísticos.

 

Foi montada toda uma estrutura para os passeios, como locação de ônibus adequados para o embarque dos idosos, café da manhã na saída, além de um kit composto por frutas, suco e água.

 

E a secretaria já está preparando para outubro, o início do Projeto Anos em Dias, também para os idosos. Serão passeios turísticos importantes para a recuperação da memória dos idosos, já que vivenciaram muitos dos acontecimentos que serão contados durante o trajeto.

 

Será também uma oportunidade para combater o tempo ocioso, auxiliando na superação de dificuldades físicas e psíquicas, promovendo o bem-estar, desligando-os do isolamento e consequentemente, melhorando sua qualidade de vida.

 

Por meio desse projeto serão visitados o Cristo Rei do Pantanal, no Morro do Cruzeiro; a Cacimba da Saúde; a Casa de Cultura Luiz de Albuquerque; Casa do Artesão; Casa de Escultura Artizu, além de passeios de barco pelo Rio Paraguai e pela Estrada Parque, culminando com  uma visita a um balneário da cidade. As atividades integram as celebrações do Dia do Idoso, que acontece em 1º de outubro.

 

Corumbá a Pé

Passeios continuarão até outubro e outros pontos turísticos serão visitados (Foto: Renê Marcio Carneiro)