Prefeitura recupera estrada do Jacadigo e beneficia produtores da região

A Prefeitura de Corumbá está realizando serviços de recuperação da estrada do Jacadigo beneficiando pequenos produtores daquela localidade, e melhorando o acesso ao Taquaral, Paiolzinho e Tamarineiro, via fronteira com a Bolívia. Os serviços foram iniciados na semana passada e fazem parte de um programa desenvolvido pelo Município para manter as estradas vicinais que cortam os assentamentos rurais, em boas condições de tráfego.

 

Esta é a segunda intervenção que a Prefeitura executa este ano no trecho e os serviços incluem raspagem mecânica, encascalhamento e até implantação de manilhas nas chamadas vazantes, para escoamento de água em período de chuva.

 

“Em março realizamos um grande serviço em todo o trecho. Na época, as chuvas causaram muitos problemas na estrada, causando transtornos aos pequenos produtores, prejudicando ao acesso aos assentamentos localizados na região de fronteira, e ao próprio Jacadigo. Além do escoamento da produção, estava também prejudicando o transporte coletivo e escolar”, explicou o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Gerson da Costa Melo.

 

A nova intervenção, conforme o secretário, foi necessária devido às chuvas que caíram na região no meio de ano. “Estamos recuperando os trechos danificados, implantando inclusive um cascalho mais resistente que está sendo retirado de uma jazida localizada no próprio Jacadigo, além da instalação de tubos de concreto nas vazantes, para melhorar o escoamento de águas pluviais”, informou.

 

Gerson salienta que os serviços integram um cronograma de recuperação das estradas vicinais estabelecido pelo prefeito Paulo Duarte, oferecendo condições necessárias para que os produtores possam ter acesso à cidade e escoar sua produção sem transtornos, bem como melhorar as linhas de ônibus.

 

Os serviços estão agradando os produtores. Epifânio Monteiro, 66 anos, líder da comunidade local, informou que “a estrada está ficando muito boa, melhorando bastante com este novo cascalho”.

 

Jacadigo

 

Além de atender os pequenos produtores, o transporte coletivo e o transporte de alunos, os serviços estão contribuindo para que os produtores possam armazenar água, necessária para a produção, principalmente.

 

É o que ocorre no sítio de Dirceu Cabral dos Santos, 44 anos. É de lá que está sendo retirado o material utilizado no encascalhamento de parte da estrada do Jacadigo. “Com a retirada desse material, estamos implantando um açude na propriedade, que será responsável pelo armazenamento de água”, explicou Gerson Melo.

 

O produtor demonstra satisfação. A sua intenção é aproveitar uma mina próxima para encher o açude, além da água de chuva, é claro. “Hoje, a água que consumimos aqui, vem da mina existente dentro da minha propriedade. Com o açude, teremos mais água para a produção. Isto será muito bom para nós”, destaca, enquanto trabalha ao lado de Waldecir Monteiro Delgado, 47 anos, no plantio de tomate. Os dois atuam em sociedade.

 

Jacadigo