Prefeitura entrega leite em pó arrecadado no FEGASA para CRIPAM

Como resultado do FEGASA (Festival Gastronômico Sabores das Américas), a Casa de Recuperação Infantil Padre Antonio Muller (Cripam) e Centro Apoio Infanto Juvenil (CAIJ) receberam 160 unidades, entre latas e pacotes, de leite em pó. O alimento foi uma condição para a realização da inscrição em uma das 15 oficinas oferecidas pelo evento que, este ano, aconteceu entre os dias 21 e 23 de agosto com a participação de 8 chefs de cozinha renomados. Além do CRIPAM, receberão as doações o Asilo São José e a Associação Dos Doentes Renais Crônicos de Corumbá e Região Renascer.

 

Além de promover a cultura local, através de ingredientes nativos nas receitas, bem como o potencial turístico que a gastronomia agrega, o FEGASA se preocupa com o viés social como explicou Hélènemarie Dias Fernandes, diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, pasta municipal que organiza o evento.

 

“Sempre nos colocamos atentos a criar uma onde de solidariedade e acho que é disso que a gente precisa e muito, não só em contexto de Brasil, mas de mundo. Com essa ampliação do FEGASA já proposta pelo prefeito Paulo Duarte já estamos tratando de algumas estratégias inclusive nesse sentido e uma delas deve ser um grande jantar solidário onde os chefs do evento produzirão um menu especial para quem comprar a entrada. Os rendimentos serão revertidos para as instituições”, disse ao prever as novidades no âmbito social e que devem ser incluída na próxima edição.

 

Ela adiantou também que já estuda a possibilidade de estender as oficinas para públicos especiais como os alunos da APAE, bem como manter uma porcentagem de vagas destinadas para freqüentadores das várias unidades do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) instaladas no município.

 

O vínculo com o lado social é uma das preocupações também do prefeito Paulo Duarte que, em companhia da primeira-dama, Maria Clara Scardini, aproveitou o momento da doação para visitar as salas de aulas do CAIJI que completa sete anos de existência nesta quarta-feira.

 

Numa das salas visitadas, o prefeito recebeu uma grande surpresa preparada pelas alunas Karolayne Barbosa Romero e Laiane Silva Dos Santos. Ambas com 12 anos, as meninas adoram cantar e fizeram uma adaptação de uma das músicas da trilha sonora da novela Chiquititas. Se o prefeito foi surpreso, ele também surpreendeu ao anunciar as garotas que as levará para conhecer a Academia de Música, projeto mantido pela Prefeitura e que ensina teoria e prática musical para centenas de crianças e jovens de forma gratuita.

 

“Além dessa tarefa institucional de apoiar essas entidades, nessa visita fiz questão de conversar com os alunos, de ouví-los e contar minha história porque muitas crianças que vem de origem mais humilde, às vezes, são criadas para acreditarem que não tem condições de ter sucesso na vida, pessoas próximas a elas por vezes acabam interrompendo esse sonho. Esse incentivo de alguém como eu que veio de família também humilde é importante por dizer que ter sucesso na vida é buscar ser feliz, ter essa perspectiva com uma relação muito próxima com a família, com os amigos. Isso faz parte de ir além do nosso papel de Prefeitura”, avaliou o prefeito.

 

Apoio

 

Somente neste ano, a Prefeitura de Corumbá já repassou mais de 130 mil reais em recursos para a CRIPAM/CAIJI/Marisa Pagge, além de manter a cedência de professores que auxiliam crianças e adolescentes no contra-turno escolar que que participam de atividades socioeducativas, culturais e esportivas e de formação cidadã e religiosa.

 

Luísa Maria Correa Martins, presidente da Cripam, explicou que a CRIPAM abrange demais entidades que serão todas beneficiadas com o leite doado. Ela contabilizou que atualmente no Hospitalzinho há 21 crianças atendidas, no Abrigo Marisa Pagge, são 7, e no CAIJ somam-se 600 crianças e adolescentes.

 

“Estamos de portas abertas a todas pessoas que quiserem nos ajudar. Essa doação do leite é muito importante porque sabemos que esse alimento é fundamental na vida das crianças. Somos três entidades, Hospitalzinho, Abrigo Marisa Pagge e CAIJI, com o nome de CRIPAM e esse leite será usado em todas elas. A visita hoje do prefeito é muito importante porque as crianças nos surpreenderam com uma homenagem ao prefeito, a gente não esperava por isso. Essa presença estimula as crianças”, disse Luisa que deixou o telefone 3232-0290 à disposição para pessoas interessadas em colaborarem com a instituição.

 

As instituições

 

A Casa de Recuperação Infantil Padre Antonio Muller (Cripam) é uma organização não-governamental localizada em Corumbá (MS). A organização surgiu em 1997 com a finalidade de recuperar crianças vitimas da desnutrição, com atendimento diário de 30 crianças, entre zero a cinco anos e onze meses de idade.

 

Atualmente a ONG acolhe, oferece higiene, alimentação, atendimento médico, fisioterapia, exames e atividades lúdicas para as crianças. São realizadas reuniões de orientação, formação e geração de renda para as famílias dos beneficados. A equipe também atua por meio de visitas familiares e oferece o encaminhamento para rede social de atendimento, quando é necessário. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira.

 

Em 1999 surgiu a segunda linha de ação social da Cripam: a Casa de Acolhimento Institucional Marisa Pagge, que fica aberta de domingo a domingo para atendimento de crianças vítimas de abono ou negligência familiar.

 

O Centro Apoio Infanto Juvenil (CAIJ) foi construído em 2008 com a finalidade de atender crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. Atualmente a casa recebe cerca 600 pessoas, que participam de atividades socioeducativas, culturais e esportivas e de formação cidadã e religiosa. A instituição fica aberta de segunda a sábado.