Em busca de voo internacional, prefeito se reúne com representantes de empresa aérea

Alinhando o diálogo pela conquista de uma nova rota de voo internacional que agregue Corumbá, o prefeito Paulo Duarte recebeu na tarde desta sexta-feira, 14 de agosto, dirigentes da empresa aérea Amaszonas Bolívia. O encontro contou ainda com a presença do superintendente da Infraero em Corumbá, Carlos Alberto Fonseca Rocha, e da diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes.

 

Juan Carlos Ossio Vidal, vice-presidente de Finanças e Administração da Amaszonas, apresentou a atual estrutura e projetos da empresa boliviana que atualmente desenvolve operações no Paraguai, Uruguai, Peru, Chile e Argentina, além do Brasil onde faz a rota Santa Cruz de La Sierra (Bolívia)/Campo Grande (Brasil).

 

“Nós temos interesse de incrementar nossa presença no Brasil e contribuir com essa integração regional. Vocês têm interesse de promocionar mais ainda o Pantanal, o destino de Corumbá, e hoje não tem um operador de transporte aéreo que ofereça esse serviço”, afirmou o Vidal

 

Segundo o representante da empresa área boliviana, a proposta é atuar em Corumbá com uma aeronave de fabricação canadense e que tem capacidade para 50 passageiros. Ainda, de acordo com Juan Carlos, o deslocamento entre Corumbá e Santa Cruz de La Sierra se concretizará em cerca de 50 minutos de viagem, interligando a cidade pantaneira a vários destinos internacionais como a Europa e os Estados Unidos.

 

“Acreditamos que, como empresa, temos condições de oferecer um preço competitivo, aliado com pontualidade, conforto e estamos também plenamente dispostos dialogar perante às autoridades”, disse o vice vice-presidente de Finanças e Administração da Amaszonas.

 

O prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, afirmou que a Administração Municipal apóia o projeto de inserção da empresa aérea boliviana na região e comunicou aos representantes da Amaszonas sobre o início das tratativas com o Governo Federal e ANAC (Agência Nacional da Aviação Civil) para que rotas internacionais alcancem Corumbá.

 

“Devemos nos encontrar daqui alguns dias porque daí já teremos uma resposta sobre o que precisa para efetivar essa ação e daí tomarmos uma decisão em conjunto, inclusive com visitas em Brasília. Nosso apoio a empresa vai ser pleno” declarou Duarte

 

“Temos que fazer uma agenda conjunta e expor que para o país é melhor, para quem mora no Mato Grosso do Sul estamos mais próximos aqui do que ir para São Paulo, temos um aeroporto internacional que é subutilizado”, comentou o prefeito de Corumbá.

 

Nesta quinta-feira, 13, o prefeito Paulo Duarte, juntamente com o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) se reuniram com o ministro da Aviação Civil e coordenador político do governo, Eliseu Padilha, em Brasília a quem apresentaram pedido para a criação de uma nova rota aérea de Campo Grande a Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, com escala em Corumbá. A reunião, realizada no Palácio do Planalto contou também com a participação do vice-presidente da República, Michel Temer, que apoia a ideia. O deputado federal Biffi também participou do encontro.

 

“Em função de Corumbá ter um bom aeroporto, estamos criando alternativas para os moradores e também para as milhares de  pessoas que vão visita-la,  não só a negócios, como também fazendo turismo. O prefeito Paulo Duarte defende uma tarifa regional para incentivar a criação de novos voos, e, no caso específico do pedido que apresentamos  hoje, o objetivo é estreitar as relações com a Bolívia, ligando com voo direto a nossa cidade a Santa Cruz de la Sierra, o maior polo econômico do país vizinho, de onde se tem acesso a várias capitais sul americanas, aos Estados Unidos e a Europa”, afirmou o senador durante a reunião na capital federal.