Banco do Brasil é novamente notificado pelo Procon de Corumbá

A Fundação Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Corumbá (Procon) notificou mais uma vez o Banco do Brasil por não disponibilizar dinheiro nos caixas automáticos  das duas agências da cidade durante o fim de semana. O fato voltou a ocorrer neste início de mês, quando os servidores da Prefeitura e do Governo do Estado tiveram seus salários liberados.

 

No sábado, dia 30 de maio, poucos caixas automáticos dispunham de cédulas. No domingo, 1º de junho, a situação ficou ainda pior. Apenas uma máquina na agência da rua 13 de Junho e uma na agência da rua América estavam liberando dinheiro para seus correntistas, ainda assim somente em notas de R$ 10 e R$ 20 e com valor limitado a R$ 300.

 

“Infelizmente, esse é um problema recorrente na cidade. Em março nós fizemos uma recomendação para o Banco do Brasil, por causa dos transtornos ocorridos durante o Carnaval. Em abril a situação voltou a ocorrer e fizemos as notificações para as duas agências”, detalhou a diretora-presidente do Procon, Andrea Ulle.

 

De acordo com o Procon,  instituição bancária apresentou uma justificativa pouco convincente para o problema. “Eles alegam que nem todos os serviços foram totalmente interrompidos, mas isso não basta. Não adianta para o consumidor ver o extrato, o saldo, mas não conseguir sacar”, continuou Andrea.

 

“Por isso as agências serão multadas sim, uma vez que não prestaram de forma adequada os serviços que oferecem. Nada do que foi justificado convenceu as autoridades julgadoras da não violação aos direitos do consumidor, que, frise-se, se repete todo fim de mês, época em que os clientes do Banco recebem seus salários e mais precisam da instituição para honrar seus compromissos”, completou a diretora do Procon.

 

Com relação a notificação de junho, ambas entregues nessa segunda-feira, as agências terão prazo de 10 dias para novamente esclarecer a situação. Ao todo, o Banco do Brasil possuiu 4 processos administrativos correndo em âmbito do Procon de Corumbá.