Usuários de transporte coletivo ganham novos pontos de ônibus em Corumbá

Depois de solucionar um sério problema que causava sensíveis prejuízos à população, a Prefeitura de Corumbá iniciou agora, uma nova etapa para melhorar ainda mais os serviços de transporte coletivo. Os antigos e danificados pontos de ônibus já estão sendo substituídos na cidade e a proposta do prefeito Paulo Duarte é, até o primeiro semestre de 2016, instalar cerca de 150 novos pontos para um maior conforto dos usuários do sistema.

 

“Estamos dando continuidade a um trabalho iniciado em janeiro do ano passado com a intervenção na antiga empresa que estava prestando um péssimo serviço na cidade. Em outubro, uma nova empresa, a Viação Cidade Corumbá, passou a operar no Município com 25 ônibus novos e, agora, estamos iniciando uma nova etapa que é a substituição dos pontos de ônibus”, explicou o prefeito.

 

Duarte acompanhou a instalação de um dos novos pontos na região da Nova Corumbá na tarde de ontem, 13, e anunciou que a proposta é trocar 150 pontos até o primeiro semestre do próximo ano. “Começamos agora e vamos atender, de imediato, 20 locais com grande fluxo de usuários do sistema de transporte coletivo”, explicou.

 

Os novos pontos são bem mais resistentes que os antigos instalados na cidade, muitos já deteriorados pelo tempo ou mesmo destruídos devido a ações de vândalos. Paulo disse que esta também foi uma preocupação da equipe da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico, que trabalhou junto à Agetrat, no projeto da nova estrutura, que é de ferro.

 

“São bem mais resistentes. Mesmo assim, é preciso conscientização para evitar que sejam danificados, destruídos. Estamos fazendo de tudo para dar maior conforto aos usuários do transporte coletivo, mas é preciso que a população seja nossa parceira a ajude a zelar por este bem público”, reforçou.

 

Paralelo à instalação das novas estruturas, a Agetrat está reformando outros pontos que se encontravam totalmente destruídos, para dar maior conforto aos usuários. Isto ocorreu, por exemplo, na região do Primavera.