Em Corumbá, Consultório de Rua disponibiliza atendimento odontológico

A Prefeitura de Corumbá ampliou a estrutura do programa Consultório de Rua e além do atendimento médico e social, está ofertando também serviços na área odontológica, a partir da inclusão de um profissional da área na equipe, bem como a disponibilização de novos equipamentos adquiridos recentemente pelo Município.

 

O trabalho foi iniciado na primeira quinzena de maio e, além de um profissional da área de odontologia, o Consultório de Rua passou a contar também com um consultório odontológico móvel, o que está possibilitando levar o serviço às mais diferentes regiões do Município.

 

Na área urbana, o primeiro atendimento aconteceu no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, o Centro POP, inaugurado em 2014 pelo prefeito Paulo Duarte, mantido pela Secretaria de Assistência Social e Cidadania, exclusivo para atender este tipo de clientela.

 

O programa Consultório de Rua é uma ação desenvolvida pela Secretaria de Saúde em parceria com a Assistência Social e Cidadania, e tem como proposta é ampliar o acesso da população de rua e ofertar, de maneira mais oportuna, atenção integral à saúde, por meio das equipes e serviços da atenção básica.

 

Até abril, o programa disponibilizava somente atendimento médico e social. A partir de agora, passa a oferecer serviços odontológicos aos moradores que vivem em situação de rua na cidade.

 

A demanda pelo profissional da odontologia foi verificada durante o trabalho constante da equipe multidisciplinar realizado tanto no período noturno como diurno em vários pontos da cidade onde esse tipo de população permanece.

 

Segundo a coordenadora da equipe, a psicóloga Ana Lúcia Provenzano, o problema se dá pelo estigma que a população de rua traz consigo. “O sentimento de exclusão é um dos fatores que contribui para que não busquem tratamento odontológico. Esperamos agora, com o dentista na equipe, ajudá-los no resgate principalmente da autoestima”, afirmou.

 

As queixas mais recorrentes dos moradores de rua com relação à saúde bucal são relacionadas às dores de dente. Os procedimentos emergenciais são realizados na rua mesmo com o auxílio de instrumentos de um consultório portátil.

 

Pessoas que são diagnosticadas com casos mais graves são orientadas a iniciar tratamento no Centro Pop, localizado na Rua Cuiabá, entre a 15 de Novembro e Sete de Setembro, onde os moradores de rua recebem apoio para o resgate da autoestima, saúde e cidadania.

 

Desde o início das atividades do Consultório de Rua, 280 pessoas foram cadastradas mediante atendimentos realizados pela equipe multidisciplinar, atualmente, composta por enfermeira, técnica de enfermagem, psicóloga e, recentemente, dentista.