Dnit inicia recuperação de trecho da BR-262 e sinalização do Anel Viário

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) de Mato Grosso do Sul iniciou a recuperação do trecho de aproximadamente 10 quilômetros da BR-262, entre o Buraco das Piranhas e a ponte sobre o Rio Paraguai. Buracos e desníveis na pista colocam em risco os motoristas que trafegam pelo local.

 

“Fizemos esta solicitação ao Dnit e nesta semana o responsável pelo órgão, Antônio Carlos Nogueira, nos comunicou oficialmente que o serviço de tapa-buracos já foi iniciado e que, em uma segunda etapa, o trecho também será totalmente recapeado”, afirmou o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte. O órgão federal também se comprometeu a melhorar a sinalização do Anel Viário da cidade.

 

“O Dnit vai reforçar a sinalização vertical e horizontal de todo o Anel Viário, desde a BR-262 até a Agesa, na saída para a Bolívia, uma outra demanda que apresentamos já há algum tempo. Esta é outra medida que vai oferecer mais segurança para motoristas e, principalmente, pedestre que utilizam a via”, completou o prefeito.

 

“A rotatória que liga o anel viário à rodovia, também está constantemente tomada pelo mato. Não se enxerga nada. O trecho periodicamente precisa de serviço de roçada, até porque as placas de sinalização já não aparecem mais, isto sem contar o pavimento que necessita de recuperação”, comentou.

 

O trecho, quando era de domínio municipal por força de contrato com o Governo do Estado, recebia manutenção constante da Prefeitura. Os recursos para este fim vinham do pedágio. No entanto, desde 1ª de julho de 2013, o pedágio foi extinto, mediante decreto nº 1.212, assinado em 1º de julho de 2013, revogando o decreto nº 121, de 15 de julho de 1996, que criou o serviço.

 

A decisão se deve ao fato de que, com a conclusão do anel viário, a Ramão Gomes, entre a rotatória do anel até o Posto Esdras, na fronteira, foi federalizada pelo Governo Federal, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT). Este é o último trecho da BR 262.