Convênio com o Município garante contratação de mais profissionais

O convênio firmado com a Prefeitura de Corumbá vai garantir ao Centro de Equoterapia Odilza Miranda de Barros a contratação de profissionais das áreas de pedagogia, equitador, secretaria, fisioterapia, fonoaudiologia, psicologia e assistência social, abrindo espaço para atender uma lista de espera que, hoje, ultrapassa 30 pessoas.

 

O presidente da instituição Evanancy Soares de Alcântara informou que, hoje, o Centro dispõe de 10 pessoas para atender 48 pacientes das 07 às 11 horas e das 13 às 17 horas. “A partir de agora, com este apoio, teremos mais profissionais e poderemos dobrar o número de pessoas atendidas lá dentro”, disse.

 

O Centro de Equoterapia iniciou suas atividades dentro do quartel do 5º Batalhão de Polícia Militar em 2003. Em 2007 tornou-se Centro de Equoterapia Odilza Miranda de Barros. Há quatro está com sua sede estabelecida no Bairro Aeroporto.

 

“Temos lá pessoas com paralisia cerebral, síndrome de down, autistas, e o trabalho ocorre com apoio de cavalos para melhorar o equilíbrio delas, e trabalhar os músculos, o que é proporcionado pelo movimento dos animais”, disse o presidente, lembrando que entre os 48 pacientes, crianças e adultos, estão moradores de Corumbá, Ladário, Bolívia e dos assentamentos.

 

“O trabalho é feito por uma equipe composta de fisioterapeuta, fonoaudióloga, assistente social, educador físico, psicólogo, equitador. São 10 pessoas trabalhando. Até o nosso motorista nos ajuda durante o tratamento”, destacou.

 

E esta equipe de profissionais será ampliada a partir da assinatura deste convênio com a Prefeitura. “Vamos ter condições de dobrar o atendimento. Temos uma lista de espera e vamos poder atender muito mais pessoas agora”, explicou.

 

E ele comemora os resultado. “Temos vários casos de sucesso. Um deles é o Cauã Fonseca, de seis anos. Quando ele chegou lá, com dois anos, não andava. Hoje, quatro anos depois, já corre. Além dele temos o André, o Joaquim e muitos outros”, concluiu.