Ação intersetorial atende moradores do Residencial Conquista Guató

Os moradores do Residencial Conquista Guató foram beneficiados neste final de semana com uma série de serviços disponibilizados pela Prefeitura de Corumbá. Foi durante a primeira ação intersetorial denominada de “Programa Bolsa Família Chama – Cidadania e Ação”, que teve a participação de todos os setores da administração do prefeito Paulo Duarte.

 

A ação foi coordenada pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania. Durante toda a manhã de sábado, 07, os moradores do residencial localizado no Bairro Padre Ernesto Sassida, entre o Maria Leite e a cidade de Ladário, receberam os mais diferentes tipos de serviços, programas e projetos que são ofertados pela Prefeitura Municipal.

 

A primeira dama e diretora-presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico, Maria Clara Scardini, representou o prefeito na ação e conversou bastante com os moradores do residencial. Elogiou o trabalho desenvolvido pelas equipes considerando-o de extrema importância, principalmente por ter disponibilizado os mais diferentes tipos de atendimentos aos moradores que não precisaram se dirigir ao centro da cidade.

 

A secretária de Assistência Social e Cidadania, Mabel Sahib Aguilar, também destacou o trabalho realizado por todas as pastas. Para ele, foi uma forma de levar os serviços da Prefeitura mais próximo da população, atendendo assim uma orientação do prefeito Paulo Duarte.

 

Ela lembrou que, durante toda a manhã, os moradores tiveram acesso aos programas, serviços e projetos que são ofertados pela Prefeitura nas áreas de  assistência social, saúde, educação, meio ambiente, habitação, esporte, trânsito e transporte, entre outros.

 

O subsecretário de Assistência Social e Cidadania, Nilo Corrêa, informou que esta foi a primeira de uma série de ações que serão desenvolvidas nos bairros da cidade, onde o foco principal será mapear as famílias e indivíduos em situação de pobreza e de extrema pobreza para inclusão no Cadastro Único do Governo Federal.

 

A iniciativa visa inserir estas pessoas nos programas sociais de transferência de renda, habitacionais, tarifas sociais de energia e telefonia e inscrição em cursos técnicos de qualificação profissional.

 

A ação permitiu localizar e atualizar dados cadastrais das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família e, fortalecer a conscientização para importância do cumprimento das condicionalidades exigidas pelo programa nas áreas da assistência social, saúde e educação.

 

Maria de Lurdes Gonçalves, 55 anos, moradora no residencial, elogiou a oferta dos serviços durante a ação intersetorial. Com uma ficha na mão, ela aguardava um novo atendimento, a pesagem, “importante para atualizar dados do programa Bolsa Família”, disse. E ela já tinha passado por outros setores. “Já vi a minha pressão, taxa de glicose e está tudo em ordem. Agora, só aguardando a pesagem”, comentou.

 

O comentário da moradora mostrou que todos no residencial estão preocupados com o cumprimento das condicionalidades de saúde e educação do programa. Durante toda a manhã, os técnicos e técnicas fizeram acompanhamento da frequência escolar, pesagem e medição das crianças, bem como das gestantes, nutrizes e avaliação do cartão de vacina.

 

Quem também demonstrou contentamento com a ação foi Hélio Ferreira, 65 anos. Ele não se sentiu bem durante a noite e aproveitou para realizar uma consulta médica. “Senti dores no estômago e vim me consultar. Fui muito bem atendida pela doutora e ela já marcou os exames que terei que fazer. Foi muito bom isso aqui, perto de casa. Se não tivesse esta ação aqui, teria que ir ao centro”, destacou.

 

O evento permitiu ainda aos moradores conhecer os serviços sócioassistenciais ofertados nos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) como o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos e gestantes, visando fortalecer a função protetiva das famílias e indivíduos. Os moradores tiveram acesso também a serviços como solicitação da segunda via da Certidão de Nascimento, entre outros.

 

O Centro Especializado da Assistência Social (CREAS) aproveitou o evento e deu continuidade à campanha de Prevenção ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes iniciada no Carnaval, e contra o Trabalho Infantil.

 

Outros serviços disponibilizados foram cortes de cabelo pelas alunas do Centro de Qualificação para o Trabalho Dom Bosco; informações sobre o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, (Pronatec); entrega de flores para as mulheres participantes em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, bem como atividades de esporte e lazer para as crianças com brinquedos como cama elástica.

 

A Secretaria de Saúde realizou apresentação teatral sobre a dengue, prevenção à saúde bucal com o escovódromo e entrega de kits, aferição da pressão arterial e teste de glicemia, além de consultas médicas.

 

A Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico disponibilizou na oportunidade, atendimento com orientações sobre os programas habitacionais do município. A Fundação de Meio Ambiente do Pantanal realizou plantio de árvores; a Fundação de Esporte disponibilizou atividades físicas e danças para uma vida mais saudável.

 

Quem também esteve presente foi a Agetrat e Guarda Municipal, além de parceiros como o Exército Brasileiro e a Associação de Moradores do Residencial Guató.