Estado e Município discutem projeto para jovem no ensino e na aprendizagem

Coordenadores da Secretaria Estadual de Educação se reuniram com a secretária de Educação, Roseane Limoeiro, e com o chefe de gabinete, João Bosco da Silva e Souza, na tarde de quinta-feira, 26 de fevereiro, tratando da implantação do projeto Avanço do Jovem no Ensino e Aprendizagem de Mato Grosso do Sul (AJA), na cidade.

 

O coordenador de Política de Educação Básica, Hélio Queiroz Daher, explicou que a implantação do projeto AJA tem como objetivo diminuir o número de alunos de 15 a 17 anos, que estão em defasagem de idade – série.

 

“Nós queremos que esses alunos que estão em séries que não corresponde com a idade, tenham um ensino diferenciado, por isso foi criada uma metodologia específica para esses alunos”, explicou.

 

De acordo com a técnica e coordenadora do projeto AJA, Fabiana Aparecida Cáceres Borges, o projeto foi elaborado para fazer a diferença na educação desses jovens que ainda não concluíram o ensino fundamental. “Lá eles terão também um acompanhamento de psicólogos e assistentes sociais antes de começarem as aulas, por meio de alguma atividade que esteja de acordo com o interesse deles”, citou.

 

A secretaria Roseane Limoeiro lembra que o Município também realiza trabalhos da mesma natureza. “Hoje o município trabalha com a EJA (Educação de Jovens e Adultos), com cinco polos urbanos e dois no campo, atendendo 1535 alunos, além do programa projovem urbano que trabalha com outros 200 estudantes. Então vemos a implantação de mais um projeto para trabalhar com os jovens de 15 a 17 anos como mais uma ajuda para que os nossos alunos saiam ganhando e nós os ajudaremos indicando aqueles estudantes que se encaixem nos quesitos”.

 

O curso acontecerá na Escola Estadual Carlos de Castro Brasil, no período noturno. As pré-matrículas já estão abertas e as aulas iniciam no dia 09 de março.