Corumbá relembra o passado na última noite do seu carnaval cultural

Na última noite do Carnaval Cultural de Corumbá 2015, a Passarela do Samba reviveu o passado com um desfile que relembrou os antigos carnavais na cidade e no Brasil. Nem a chuva que caiu à noite tirou o brilho da folia que foi aberta pela Corte de Momo acompanhada da irreverente Maria Quitéria. Os bonecões e a Banda da Corte deram um tom especial ao ato, que foi seguido do desfile de corso com carros das décadas de 50 a 70, entre eles, os fuscas que fizeram os foliões voltarem ao tempo.

 

As Pastorinhas com seus vestidos inspirados na época medieval, deram continuidade ao desfile seguido pelos Marinheiros e pelo bloco do Frevo formado por bailarinos e bailarinas da Oficina de Dança da Fundação de Cultura que proporcionou um belo espetáculo, com os passos tradicionais, relembrando o frevo pernambucano.

 

A noite da nostalgia teve ainda as apresentações dos Cordões Carnavalescos. Pela passarela do samba passaram o Cinelândia, Cravo Vermelho, Flor de Corumbá e Paraíso dos Foliões com suas marchinhas antigas e as tradicionais evoluções.

 

A noite na Passarela do Samba foi fechada com o Bloco dos Palhaços com destaques para os Arlequins, Pierrôs e Colombinas, que encantaram todas as pessoas que assistiram ao desfile.

 

Carla Silva levou as filhas para conhecer o carnaval. “Conheci o bloco há alguns anos, primeiro assistindo da arquibancada, agora fiz diferente, eu quis fazer parte desta festa e trouxe comigo as minhas filhas, uma vez que este bloco é composto por familiares e tem bastante crianças, por trazer a magia dos palhaços”, disse eufórica.

 

A última noite do carnaval de Corumbá foi encerrada com show na Praça Generoso Ponce, ao som da cantora paraense Gaby Amarantos, que fez a multidão que estava na praça se mexer ao som do “tecnobrega” apresentada pela cantora.

 

“Eu sempre quis vir conhecer essa região. Na estrada eu já vim olhando e vendo as semelhanças com a Amazônia e com o lugar de onde eu vim, e não seria melhor época pra eu vir nessa cidade. Eu queria agradecer a Prefeitura por ter me proporcionado vir a esse lugar maravilhoso. Quero voltar outras vezes para conhecer melhor”, afirmou Gaby.

 

Quando o show, terminou, o público  ficou com aquele gosto de ‘quero mais’ e a cantora embalou mais outros sucessos, agradecendo ao carinho soprado da plateia a todo instante.

 

Para o prefeito Paulo Duarte, apesar deste ser o terceiro carnaval como prefeito, teve uma emoção diferente. “Primeiro a preocupação para que tudo acontecesse da melhor maneira possível. A coordenação fica a cargo da Fundação de Cultura, mas este é um evento que acaba envolvendo toda a prefeitura, e hoje temos a sensação de dever cumprido. Por isso eu quero agradecer a todos, indistintamente, que trabalharam neste evento que proporcionou um momento de muita alegria”.

 

Duarte ainda lembrou que “o encerramento do carnaval com o desfile cultural, que é um desfile democrático, onde todos se misturam. Quem veio aqui pode perceber que não existe essa distinção onde todos se misturam nessa grande avenida e o grande sucesso desse carnaval é esse povo corumbaense que participa, que se envolve e faz um carnaval maravilhoso”.