Aluno da Escola Cyríaco é medalha de bronze na Olimpíada da Matemática

Samuel Ramon de M. Peres, aluno da Escola Municipal Cyríaco Félix de Toledo, conquistou medalha de bronze na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), versão 2014, e foi convidado para participar do Programa de Iniciação Científica (PIC).

 

A conquista foi informada esta semana, via e mail, por Ana Catarina P Hellmeister, coordenadora do PIC, encaminhado para a direção da Escola Cyríaco Félix de Toledo, e retransmitindo para a Secretaria de Educação da Prefeitura de Corumbá.

 

No comunicado a coordenadora destaca que essa “é realmente uma conquista importante dentro de uma competição nacional que contou, na sua primeira fase, com mais de 18 milhões de candidatos”.

 

Comunica também que foi encaminhado ao aluno, uma carta-convite para participar do PIC, um programa com duração de 10 meses que coloca os alunos em contato com interessantes questões no ramo da Matemática, ampliando o seu conhecimento científico e preparando-os para um futuro desempenho profissional e acadêmico.

 

No programa haverá encontros presenciais e estudos online e para participar, os alunos receberão auxílio financeiro (bolsa mensal-CNPq) assim como, material didático, alimentação e transporte.

 

“A partir do PIC muitos(as) alunos(as) mudam suas perspectivas de futuro: no contato com professores orientadores e Universidades aprendem mais Matemática, percebem que podem seguir carreiras científicas/tecnológicas e descobrem os caminhos que levam a essas fascinantes carreiras, tão importantes para eles e para o desenvolvimento do nosso país. Para muitos(as) alunos(as), o PIC é a oportunidade certa dada na hora certa”, diz o comunicado.

 

Ao mesmo tempo, solicita apoio da direção da escola no sentido de “divulgar o PIC na sua escola e que forneça aos seus alunos participantes do PIC incentivo e apoio, por exemplo, facilitando, se necessário, o acesso deles à internet. Além disso, os professores de Matemática da escola podem, eventualmente, utilizar o material didático e aprendizado desses alunos para motivar os outros alunos no estudo da Matemática e na participação deles em futuras edições da OBMEP”.

 

Samuel Ramon foi medalha de bronze no Nível 1 (6ª e 7ª séries do Ensino Fundamental). Foi o único estudante corumbaense premiado. Outros receberam menção honrosa, como Leonardo Rodrigues da Silva, da Escola Municipal Rural Polo Eutrópia Gomes Pedroso, e Lucas Willyan Conceição de Moraes, da Escola Municipal Barão do Rio Branco, que concorreram no Nível 2 (8º e 9º anos do Ensino Fundamental).