UPA 24 Horas será inaugurada nesta sexta, já em pleno funcionamento

A Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas “Drº José Abílio Maciel de Barros” será inaugurada nesta sexta-feira, 30, e o atendimento à população será aberto em seguida. Foi o que afirmou na tarde desta quinta-feira, 29, o prefeito Paulo Duarte, durante visita à estrutura.

 

Acompanhado da secretária de Saúde Dinaci Ranzi, Duarte acompanhou a montagem dos modernos aparelhos e equipamentos adquiridos pelo Município. “Nesta sexta, não vamos ape nas inaugurar a obra física. Vamos entregar toda esta estrutura já funcionando, com modernos equipamentos e uma equipe de médicos, enfermeiros e outros profissionais da saúde para atender a população”, disse.

 

A solenidade está marcada para as 09h30. O ato está sendo considerado com o um marco para a saúde pública já que a UPA 24 Horas será um segundo Pronto Socorro da cidade e vai atender a população residente na região sul, parte alta. Ela está localizada na Rua Luiz Feitosa Rodrigues, s/n, no Bairro Guató.

 

A UPA conta com 792,52 metros quadrados de área construída e integra uma parceria entre o Governo Federal e a Prefeitura. Além de completa equipe de profissionais, o Pronto Socorro contará também como uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), responsável pela prestação de serviço pré-hospitalar específico para pequenas e médias urgências e emergências, inclusive odontológicas.

 

O novo pronto socorro é dotado de salas estruturadas para intervenções de emergência, Raio X, nebulização, sala de procedimentos, de administração de medicamentos, consultórios médicos, além de salas para atendimento de fraturas, coleta de material para exames, curativos, observação, isolamento e sala de espera.

 

Conta também com outras dependências necessárias para um perfeito atendimento à população da parte alta da cidade, bem como pacientes vítimas de acidentes na BR-262 e nas empresas de mineração e frigoríficos localizados na região. O local também vai atender pacientes graves, até que sejam removidos para um hospital de referência.