Projeto Fomenta aproxima empresas e incrementa compras governamentais

A Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretária de Indústria e Comércio, e o Sebrae realizaram no último sábado, 08, uma Rodada de Negócios que reuniu 60 empresários da região pantaneira, que tiveram a oportunidade de conhecer mais detalhes sobre o volume e as compras dos órgãos governamentais, bem como das grandes empresas estabelecidas na cidade.

 

O evento aconteceu no Sesc Corumbá (Centro de Convenções) e integra o projeto Fomenta que vem sendo desenvolvido na cidade desde o ano passado. Trata-se de uma estratégia com o propósito de aumentar a participação desse setor empresarial no volume de compras dos órgãos de governo, proporcionando uma maior aproximação entre pequenos negócios e grandes demandantes de produtos e serviços.

 

A Rodada de Negócios do final de semana teve a participação de 60 empresas e produtores rurais da região, das quais, 12 consideradas empresas âncoras, aquelas que possuem maiores demanda. Sua realização teve como foco principal, permitir a aproximação dos compradores e fornecedores.

 

O prefeito Paulo Duarte participou do encontro e considerou de extrema importância a realização da Rodada de Negócios, que permitiu aos donos de micro e pequenas empresas e produtores rurais, conhecerem um pouco mais sobre os produtos que são comprados pelos órgãos governamentais, e quais os requisitos necessários para participar dos processos das compras.

 

Ao mesmo tempo, a Rodada possibilitou também aos órgãos públicos e às empresas âncoras, conhecerem as ofertas existentes no mercado local. Paulo Duarte destacou a importância do evento para esclarecer possíveis dúvidas e fortalecer os laços com os compradores para incentivar a compra aqui no comércio local.

 

Ele lembrou que além das Prefeituras (Corumbá e Ladário), a região pantaneira conta com instituições fortes como a Marinha do Brasil, o Exército e as mineradoras que, no evento, puderam conhecer um pouco mais dos produtos locais disponibilizados pelos micro e pequenos empresários. “O Fomenta foi criado para isto, para incentivar a compra no comércio local. Isto representa o fortalecimento da nossa economia”, explicou.

 

O secretário de Indústria e Comércio, Pedro Paulo Marinho de Barros, estava acompanhando o prefeito e informou que o Fomenta foi criado para “aproximar os micro e pequenos empresários das empresas e órgãos públicos locais, para que exista uma comunicação entre ofertantes locais e demandadores, visando fomentar e fortalecer a economia local. Isso garante a geração de emprego e renda no município”, disse.

 

O evento contou também com a presença da gerente do Sebrae no Pantanal, Isabella Fernandes; do comandante da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, general-de-brigada Pedro Paulo de Mello Braga, entre outros.