Projeto Sorriso nas Escolas inicia ações com teatro sobre escovação

O projeto “Sorriso nas Escolas” escolheu o bairro Cervejaria para iniciar suas ações que tem por objetivo instruir alunos sobre a importância dos cuidados para uma perfeita saúde bucal. Alunos da escola municipal Tilma Fernandes Veiga foram os primeiros a receber as atividades deste trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde, através da Coordenação de Saúde Bucal.

 

O objetivo do “Sorriso nas Escolas” é oferecer de forma continuada acesso às orientações de forma lúdica, bem como oportunizar avaliações de toda arcada dentária (triagem) e tratamento quando necessário.

 

Na manhã desta quinta-feira, 30 de outubro, os estudantes assistiram e participaram de uma apresentação de teatro onde os personagens não podiam ser outros se não o dente e a escova de dente. Com jeito de brincadeira, eles falaram de coisas muito sérias como, por exemplo, a importância da escovação dos dentes e sua maneira correta de ser realizada.

 

“Hoje, já existe um trabalho com os Postos de Saúde da Família. Ainda não era suficiente porque a comunidade ainda não havia despertado que o cuidado com a saúde bucal é fundamental porque pela boca é que entram as doenças. Esse trabalho busca fazer de forma permanente o despertar na cabeça das crianças para responsabilidade da saúde bucal”, comentou a secretária municipal de Saúde, Dinaci Ranzi ao destacar que o projeto foi uma demanda do prefeito Paulo Duarte.

 

“Temos que fazer o despertar da comunidade, que os dentes precisam ser tratados não apenas quando doem, eles devem ser tratados todos os dias, é esse o desejo do nosso prefeito Paulo Duarte, ele quer ver as crianças com o sorriso saudável, esse projeto é um pedido dele, de levar saúde para todas as escolas”, explicou ao lembrar que a estrutura em saúde bucal do município é uma das melhores do país, contando com 54 dentistas concursados sem contar os demais profissionais da área contratados em comissão.

 

Para a cirurgiã-dentista Célia Caroline de Oliveira, coordenadora do projeto Sorriso nas Escolas, atingir os públicos infantil e adolescente nas escolas tende a ampliar as orientações sobre a saúde bucal, pois eles funcionam como replicadores dessas informações no ambiente familiar.

 

Ela ilustrou com um depoimento o pensamento equivocado que persiste ainda em algumas pessoas sobre o assunto. “Outro dia, fomo a uma escola e a mãe disse que não se preocupava porque o filho ia trocar de dente, mas ela não entendia que aquele dente cariado compromete o dente que está vindo”, contou.

 

Ela orienta ainda que não é apenas o aspecto estético que sofre com a perda de um dente, mas o fisiológico com uma mastigação ineficaz, problemas de articulação da arcada que afetam a fala e até mesmo complicações cardíacas.

 

Após a apresentação teatral, os alunos ganharam uma escova dental nova e um panfleto com orientações sobre a correta escovação dos dentes. O projeto, segundo Maria Glaubi Gomes Barbosa, diretoria da escola municipal Tilma Fernandes, é muito importante ainda mais pelo fato da unidade educacional ser em tempo integral.

 

“Esse projeto é de suma importância dentro da nossa escola pois os alunos passam o dia inteiro conosco. Todo esse processo vem ajudar a escola a reduzir a incidência de cáries e a procura deles no posto de saúde que fica um pouco complicado porque eles estão o tempo todo na escola, porém com o correto encaminhamento, eles terão o acesso mais facilitado aos tratamentos”, explica.

 

A próxima etapa do projeto será a triagem que também abrangerá todos os alunos. Com a avaliação profissional, os casos que necessitarem de tratamento serão encaminhados para unidade de saúde mais próxima do aluno.

 

O Sorriso nas Escolas tem em seu cronograma atingir todas as escolas da rede municipal na área urbana e depois seguir para as localizadas na zona rural, contemplando assim todas as unidades educacionais do município.

 

Além da secretária de Saúde, também estiveram presentes no lançamento do projeto Sorriso nas Escolas, o coordenador de Saúde Bucal de Corumbá, Cláudio Alencar, e do assessor de relações institucionais, Lamartine Figueiredo Costa, ambos dentistas.